Guia da final masculina do US Open 2021 - Daniil Medvedev vs Novak Djokovic - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Guia da final masculina do US Open 2021 - Daniil Medvedev vs Novak Djokovic

Compartilhe

Pela segunda vez nesta temporada, Novak Djokovic e Daniil Medvedev vão decidir um título de Grand Slam. Mas ao contrário do Australian Open, em fevereiro, quando aquele poderia ter sido o jogo da vida do tenista russo, agora o cenário é diferente. A partida do próximo domingo (12), pela final do US Open 2021, poderá ser lembrada como o principal jogo da carreira do sérvio, atual número 1 do mundo.

Se vencer, Djokovic será o maior campeão de Majors entre os homens. Serão 21 conquistas individuais, ultrapassando os seus contemporâneos Roger Federer e Rafael Nadal. E caso conquiste o título, o sérvio será o primeiro homem desde o lendário australiano Rod Laver (1969), na era aberta (profissional) a ganhar os quatro Grand Slams de simples em uma única temporada.


A última vez que o tênis viu um verdadeiro ‘Calendar Grand Slam’ em simples, foi graças a Steffi Graf, com seu mágico ano de 1988. Aliás, a alemã foi além e faturou a medalha de ouro olímpica nos Jogos de Seul, transformando o feito num Golden Slam, algo que Djokovic não conseguiu repetir em Tóquio 2020.


Foto: Jed Jacobsohn/USTA
Ao vencer Alexander Zverev na semifinal do US Open, Djokovic garantiu a classificação para sua 31ª final de Grand Slam, igualando a marca de Roger Federer, que tem 20 títulos e 11 vice-campeonatos. É importante ressaltar também a sequência de vitórias do sérvio atual número 1 do mundo em Majors. São 27 triunfos em 27 partidas em 2021.


Mas todos esses recordes e marcas históricas só vão acontecer caso Djokovic conquiste de fato o título do US Open. Ele só precisa combinar isso com Daniil Medvedev. O russo faz grande campanha no Major nova-iorquino, com apenas um set perdido em seis partidas disputadas e não encontrou dificuldades para passar por seus adversários em quadra.


Medvedev está em sua terceira final de Grand Slam, a segunda em Nova York. Em 2019, ele fez um jogo memorável contra Rafael Nadal na decisão do US Open daquele ano, mas saiu com a derrota em cinco sets, ficando com o vice-campeonato.

Foto: Darren Carroll/USTA
A presença do tenista russo na decisão de mais um Major em 2021, prova que ele chegou para ficar e está cada vez mais consistente no circuito. Não à toa, Medvedev é o número 2 do ranking mundial e soma três títulos nesta temporada, incluindo o caneco do Masters 1000 de Toronto, na preparação para o US Open.

Se vencer o US Open, Medvedev se tornará o primeiro homem russo campeão de simples num Grand Slam, desde Marat Safin, vencedor do Australian Open de 2005. Medvedev poderá ser também o primeiro russo desde Safin (2000) a vencer o US Open.

Arte: Lucas Bueno/Surto Olímpico

Onde acompanhar?

A final da chave masculina do US Open poderá ser acompanhada em dois canais de TV por assinatura e por um aplicativo de streaming. A partida entre Daniil Medvedev e Novak Djokovic será transmitida pelo SporTV 3 e pela ESPN, neste domingo (12), a partir das 17h. Já o app Star+, novidade do grupo de canais da Disney neste mês, também contará com a transmissão ao vivo pela internet, mas que também depende de uma assinatura (mensal ou anual).

A campanha até a final

Olhando as partidas disputadas por cada tenista, rapidamente podemos fazer dois tipos de observação. Djokovic teve o caminho mais difícil até chegar a decisão pelo título do US Open. No entanto, o sérvio também se complicou em jogos em que era esperado uma fácil vitória por 3 sets a 0, como foi o caso da estreia contra o jovem dinamarquês Holger Rune, o jogo contra Nishikori Kei e o espantoso duelo contra Jenson Brooksby. Djokovic cedeu uma parcial em todas essas ocasiões.


Medvedev, por sua vez, passeou em quadra em praticamente todos os jogos. Aplicou 3 sets a 0 diante Richard Gasquet, Dominik Koepfer, Pablo Andujar, Daniel Evans e até mesmo em Felix Auger-Aliassime, na semifinal. O russo perdeu apenas um set no torneio inteiro, contra o surpreendente neerlandês Botic van de Zandschulp.

Temos ainda que destacar os dois ‘pneus’ aplicados por Medvedev. O primeiro 6-0 foi contra Andujar, na terceira rodada, e o segundo, em duelo contra van de Zandschulp. Porém, uma ressalva deve ser feita. O jogador russo não enfrentou tenistas do top-10 da ATP, sendo que seu melhor adversário até aqui foi Auger-Aliassime, 15º colocado no ranking mundial. Djokovic teve em seu caminho Matteo Berrettini (8º) e Alexander Zverev (4º), além do vice-campeão do US Open 2014, Nishikori Kei.

Confira abaixo alguns detalhes da campanha de cada jogador.

Campanha de Daniil Medvedev no US Open 2021

R1: vitória contra Richard Gasquet por 3 sets a 0 (6-4, 6-3 e 6-1) - confira
R2: vitória contra Dominik Koepfer por 3 sets a 0 (6-4, 6-1 e 6-2) - confira
R3: vitória contra Pablo Andujar por 3 sets a 0 (6-0, 6-4 e 6-3)
Oitavas de final: vitória contra Daniel Evans por 3 sets a 0 (6-3, 6-4 e 6-3) - confira
Quartas de final: vitória contra Botic van de Zandschulp por 3 sets a 1 (6-3, 6-0, 4-6 e 7-5) - confira
Semifinal: vitória contra Felix Auger-Aliassime por 3 sets a 0 (6-4, 7-5 e 6-2) - confira

Tempo em quadra: 11h51
Sets cedidos: 1
Games cedidos: 57

Campanha de Novak Djokovic no US Open 2021

R1: vitória contra Holger Rune por 3 sets a 1 (6-1, 6-7, 6-2 e 6-1) - confira
R2: vitória contra Tallon Griekspoor por 3 sets a 0 (6-2, 6-3 e 6-2) - confira
R3: vitória contra Nishikori Kei por 3 sets a 1 (6-7, 6-3, 6-3 e 6-2) - confira 
Oitavas de final: vitória contra Jenson Brooksby por 3 sets a 1 (1-6, 6-3, 6-2 e 6-2) - confira
Quartas de final: vitória contra Matteo Berrettini por 3 sets a 1 (5-7, 6-2, 6-2 e 6-3) - confira
Semifinal: vitória contra Alexander Zverev por 3 sets a 2 (4-6, 6-2, 6-4, 4-6 e 6-2) - confira 

Tempo em quadra: 17h26
Sets cedidos: 6
Games cedidos: 80

Foto: Reprodução/Twitter US Open

Nenhum comentário:

Postar um comentário