Djokovic sofre, mas vence Brooksby de virada e volta às quartas de final do US Open após três anos - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Djokovic sofre, mas vence Brooksby de virada e volta às quartas de final do US Open após três anos

Compartilhe

Após três anos longe das quartas de final do US Open, Novak Djokovic está de volta ao grupo dos oito melhores do torneio. Ele venceu nesta segunda-feira (6), o tenista da casa, Jenson Brooksby (99º), de virada, por 3 sets a 1, com parciais de 1-6, 6-3, 6-2 e 6-2, em 2h58 de partida.

A última vez que o sérvio número 1 do mundo esteve nas quartas de final no Major estadunidense, foi exatamente em 2018, quando foi campeão, derrotando o argentino Juan Martin del Potro na decisão pelo título.

Na atual edição do US Open, Djokovic encara nas quartas de final o italiano Matteo Berrettini, com quem definiu o caneco de Wimbledon nesta temporada, com vitória de virada por 3 sets a 1. Eles ainda tiveram dois confrontos no circuito, com outras duas vitórias do tenista sérvio, sendo uma na fase de grupos do ATP Finals de 2019 e outra nas quartas de final de Roland Garros, esse ano.


O jogo

Ao contrário do que se esperava, quem começou o jogo impondo forte ritmo foi Brooksby. Empurrado pela torcida, o tenista estadunidense abriu 3-0 rapidamente, com uma quebra de serviço efetuada. Djokovic ainda conseguiu confirmar um saque, mas não reverteu a situação, vendo o adversário crescer ainda mais no jogo, aproveitando outro break point para fechar a primeira parcial em 6-1.

Já no início do segundo set, Djokovic parecia ter controle absoluto das ações. O que não aconteceu. Mesmo com uma quebra abaixo, Brooksby fez o adversário sérvio jogar um game de 20 minutos, devolvendo a quebra de serviço.

No entanto, a energia do jovem estadunidense pareceu ter acabado ali, e Djokovic aproveitou para dominar a parcial, fechando em 6-3, com nova quebra de saque no sexto game.

A partir disso, Djokovic foi soberano no jogo. Abriu 4-0 no terceiro set, com um adversário abatido fisicamente. Chegando em todas as bolas, o sérvio ganhou 74% dos pontos com o primeiro saque e quebrou duas vezes o saque de Brooksby, ganhando a parcial por 6-2.


O quarto set foi muito semelhante ao terceiro. Djokovic começou com uma quebra de serviço, manteve a vantagem ao longo da parcial e no sétimo game, repetiu a quebra, para na sequência, vencer por 6-2 e carimbar sua vaga na próxima fase.

Djokovic disparou nove aces e 44 bolas vencedoras ao longo da partida. Um jogo tão agressivo rendeu muitos erros também e o sérvio contabilizou 41 ao término do jogo. Brooksby, de 20 anos, teve 27 bolas vencedoras e 28 erros não-forçados.

Foto: Garrett Ellwood/USTA

Nenhum comentário:

Postar um comentário