Luisa Stefani e Gabriela Dabrowski conquistam grande virada e estão nas quartas do US Open - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Luisa Stefani e Gabriela Dabrowski conquistam grande virada e estão nas quartas do US Open

Compartilhe

Gabriela Dabrowski e Luisa Stefani em ação pelo US Open

Luisa Stefani e Gabriela Dabrowski garantiram presença nas quartas de final da chave feminina de duplas do US Open. A brasileira e a canadense estiveram a dois games da eliminação, mas conseguiram uma grande virada nesta segunda-feira (6) sobre as ucranianas Marta Kostyuk e Dayana Yastremska por 2 sets a 1, em duas horas e dez minutos de jogo.


Luisa repete assim a campanha do ano passado, quando também chegou até a fase de quartas de final. Ela e Dabrowski esperam agora a vencedora do confronto entre as australianas Anastasia e Arina Rodionova e as tchecas Marie Bouzkova e Lucie Hradecka.


Luisa e Gabriela começaram com tudo a partida quebrando o saque das ucranianas. Elas chegaram a abrir 4-2 no primeiro set, mas as adversárias devolveram a quebra no oitavo game, após uma sequência de erros da brasileira e da canadense, que chegaram a salvar um set point no décimo game. O set acabou sendo decidido no tiebreak, em que Kostyuk e Yastremska acabaram abrindo 5-1. Stefani e Dabrowski até tentaram uma reação, mas as ucranianas venceram a parcial por 7-5.


Surte +  Bruno Soares e Jamie Murray vencem e vão às quartas de final na chave de duplas do US Open


Com muita confiança, as ucranianas quebraram o saque de Luisa e Gabriela logo na largada do segundo set. Kostyuk e Yastremska salvaram um break point no sexto game e abriram 4-2, estando a dois games do triunfo. Mas a brasileira e a canadense devolveram a quebra no oitavo game. E foi aí que começou a reação da dupla na partida, que obteve uma nova quebra no 10º game, virando o set e vencendo por 6-4.


No terceiro set, Stefani e Dabrowski tomaram a dianteira no quarto game, quando conseguiram quebrar o serviço das adversárias. Com um ótimo aproveitamento no saque, a brasileira e a canadense cederam apenas três pontos neste fundamento e não foram mais ameaçadas pelas ucranianas. Assim, elas conseguiram uma nova quebra de serviço no oitavo game para ganharem o set por 6-2.


Foto: Andrew Ong/USTA


Nenhum comentário:

Postar um comentário