Resumão Tóquio 2020 - Último dia - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Resumão Tóquio 2020 - Último dia

Compartilhe






O queniano Eliud Kipchoge confirmou o favoritismo e levou o ouro na maratona masculina, em uma prova marcada por 27 desistências de maratonistas devido ao forte calor e umidade. O único brasileiro a terminar a prova foi Paulo Roberto de Paula, que terminou em 69º, com o tempo de 2:26:08, seu melhor tempo na temporada. Daniel Chaves e Daniel Nascimento não conseguiram completar a prova.



A seleção dos Estados Unidos confirmou a expectativa e venceu o Japão por 90 a 75. Foi o sétimo ouro seguido das estadunidenses, que não perdem uma partida em olimpíadas desde Barcelona 1992. Diana Taurasi e Sue Bird também fizeram história ao se tornarem pentacampeã olímpicas.





Não deu para Bia Ferreira, que em uma luta equilibrada, perdeu para Kellie Harrington (IRL) na decisão unânime dos juízes ficando com a prata e conseguindo o melhor resultado do boxe feminino do Brasil em olimpíadas. 




Jason Kenny fez história no último dia de disputas nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O britânico conquistou neste domingo (8) a medalha de ouro do Keirin, se tornando o maior campeão olímpico e maior medalhista da história da Grã-Bretanha.

Outras duas finais foram disputadas no último dia do ciclismo. A decisão do Sprint feminino foi  vencida pela canadense Kelsey Mitchell e Jennifer Valente (USA) faturou a medalha de ouro do Omnium



A Bulgária conquistou a medalha de ouro no conjunto da ginástica rítmica. A equipe do leste europeu fez duas apresentações com altíssimo grau de dificuldade para ficar em primeiro lugar. O Comitê Olímpico Russo ficou com a prata, encerrando uma sequência de cinco ouros seguidos da Rússia na prova. A medalha de bronze ficou com a Itália.





A França se vingou das russas e levou o ouro, vencendo por 30 a 25.Na disputa do bronze, a Noruega venceu a Suécia por 36 a 19 e completou o pódio. 


 


Na final do torneio masculino, a Sérvia defendeu o seu título conquistado no Rio após ganhar da Grécia por 13-10. Quem ficou com o bronze foi a Hungria, que derrotou a Espanha por 9 a 5 na decisão do terceiro lugar.  


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário