França devolve 2016 e sai com o ouro no handebol feminino - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

França devolve 2016 e sai com o ouro no handebol feminino

Compartilhe

A França venceu o Comitê Olímpico Russo por 30 a 25 neste domingo (8) na final do handebol feminino e conseguiu ganhar os dois ouros da modalidade em Tóquio-2020. A seleção francesa foi melhor durante toda a partida e não correu riscos, marcando de forma eficaz as atacantes russas.


Além de levar o título nestes Jogos, a seleção francesa devolveu o resultado de 2016, quando perdeu para Rússia na final. A conquista também foi celebrada pela seleção masculina, que estava presente no ginásio. 


Os primeiros dois minutos de jogo mostraram como a final ia ser pegada. Nesse tempo os dois times fizeram um gol cada e o Comitê Russo já havia cometido uma falta para sete metros. A França só foi conseguir abrir uma pequena vantagem aos 11 minutos, quando Pineau marcou em um tiro de sete metros, deixando o placar em 5 a 3. 


Se aproveitando das finalizações erradas do time russo, a seleção francesa partia em velocidade e assim chegou a abrir três gols de diferença, com o placar marcando 15 a 12 a um minuto do fim. Vedekhina ainda conseguiu diminuir e o jogo foi pro intervalo com 15 a 13 no placar.


Assim que começou o segundo tempo, a França voltou a aumentar a vantagem e usou a marcação principalmente em cima da Vyakhireva como trunfo para se manter na frente. 


O Comitê Olímpico Russo chegou a empatar o jogo em 16 a 16, porém logo depois, a França empilhou seis gols em sequencia, deixando as russas atordoadas. Assim que elas voltaram a marcar gol, a seleção francesa manteve o ritmo e o jogo entrou nos seus dez minutos finais com 24 a 19 francês no placar.


Melhor, o time francês abriu seis gols a cinco minutos do fim, em desarme e arremate de Nocandy. Com menos de dois minutos para o final do jogo, o técnico da França pediu tempo e as jogadoras já sorriam e comemoravam discretamente a medalha de ouro. O jogo acabou em 30 a 25 e as jogadoras francesas pularam e se abraçaram em comemoração.


Foppa e Pineau foram os destaques do jogo com sete gols cada. Foppa foi perfeita no ataque, marcando em todas as suas finalizações, enquanto Pineau acertou 70% dos arremates com bola rolando. Em tiros de sete metros, ela marcou sete em oito oportunidades.


Foto em destaque: Susana Vera/ Reuters


Nenhum comentário:

Postar um comentário