Surto em Tóquio #7: comunicação limitada e adaptação ao fuso no primeiro dia no Japão - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Surto em Tóquio #7: comunicação limitada e adaptação ao fuso no primeiro dia no Japão

Compartilhe
Surto em Tóquio



Boa noite pessoal!! Aqui já é quinta-feira e acabei de acordar depois de minha primeira noite de sono em Tóquio. Como comentei rapidinho na live que fiz na manhã desta quarta-feira, o sentimento ainda é muito mágico. Tudo aqui chama muito a atenção, desde o comportamento das pessoas às comidas exóticas, passando pela televisão japonesa.


Ainda não temos contato com o público e a área do hotel está levemente vazia. Eu vi apenas um hóspede japonês por enquanto, além dos brasileiros e estrangeiros da imprensa. É tranquilo andar pelas ruas e comprar nos mercados - temos 15 minutos para voltar ao hotel, então isso ajuda um pouco.



Tóquio e o Comitê Organizador estão na expectativa pela declaração de um novo Estado de Emergência que pode permanecer durante todos os Jogos Olímpicos, o que pode significar uma Tóquio 2020 muito triste sem espectadores. Os poucos ingressos disponíveis estão super disputados por aqui.


Por enquanto, o mais difícil está sendo a comunicação em inglês. Meu japonês limitadíssimo a algumas frases não leva a muitos lugares e nem o pessoal do hotel fala muito bem inglês. A ver se nas arenas olímpicas ou em outras áreas da cidade - quando pudermos sair - vai ser diferente.


Pelo menos, não estou sofrendo com o jetlag. Apesar de ter chegado no hotel apenas as 5 da manhã de ontem, consegui acordar umas 9h30 todos os dias, mesmo com um cochilo que me derrubou bem ontem. Porém, deu para adiantar umas coisas, e já me preparar para os dias em que poderemos sair do hotel para as arenas e centro de imprensa.

Acompanhe aqui os textos anteriores: dia 1dia 2dia 3dia 4dia 5 e dia 6)

Nenhum comentário:

Postar um comentário