Relembre em tempo real o 1º dia do Pré-Olímpico de Esgrima: Canadá, Chile e Venezuela levam vagas para Tóquio 2020 - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Relembre em tempo real o 1º dia do Pré-Olímpico de Esgrima: Canadá, Chile e Venezuela levam vagas para Tóquio 2020

Compartilhe
Bruno Pekelman esgrima CBE Brasil Pré-Olímpico



Neste fim-de-semana as últimas seis vagas da esgrima em Tóquio 2020 serão decididas em São José, capital da Costa Rica no Pré-Olímpico das Américas. O Brasil conta com Athos Schwantes, Ana Beatriz Bulcão, e Bruno Pekelman em ação no sábado (01) e Karina Trois no domingo (02). Eles tentam se juntar a Guilherme Toldo e Nathalie Moellhausen no Time Brasil que estará nos Jogos Olímpicos.


Você pode conferir toda a ação ao vivo em vídeo direto no Canal Olímpico do Brasil e saiba todos os detalhes dos jogos dos brasileiros aqui neste Tempo Real. No momento, Athos Schwantes disputa as quartas-de-finais da espada masculina, enquanto pelo florete feminino, Bia Bulcão entra em ação a partir das 16h e Bruno Pekelman busca a vaga no sabre masculino a partir das 20h.


Atualize a página para saber as últimas novidades. 


Surte+ Guia do Pré-Olímpico Pan-Americano de Esgrima: confira os favoritos e as chances dos brasileiros


-------

23:20 Com a matéria resumindo todo o primeiro dia, terminamos o tempo real desde sábado, 1º de maio. Muito obrigado por nos acompanhar tanto neste dia e na torcida pelos brasileiros.

Surte+ Canadá, Chile e Venezuela levam vagas no 1º dia de Pré-Olímpico de Esgrima e Argentina corre risco histórico


Aproveitamos novamente para pedir ajuda em nosso Crowdfunding para garantir a ida de nosso jornalista credenciado para os Jogos Olímpicos de Tóquio!! Se você curte nosso trabalho, apoie por favor a nossa vaquinha ou compartilhe nossa campanha clicando aqui!! Muito obrigado e seguimos rumo a Tóquio!!


22:42- Relembre aqui as campanhas dos brasileiros:

Espada MasculinaAthos Schwantes leva bronze no Pan de Esgrima, mas fica sem vaga olímpica

Florete Feminino: Bia Bulcão leva revanche de mexicana e fica com bronze, mas fora das Olimpíadas

Sabre Masculino: Bruno Pekelman cai para cubano e Brasil termina 1º dia de Pré-Olímpico de Esgrima sem vagas para Tóquio


22:41- Venezuelano perde tempo de ataque, argentino parte para o ataque, mas venezuelano consegue parada-resposta. Depois de vídeo, é confirmado: José Quintero vence por 15-14. Argentina segue sem esgrimistas em Tóquio 2020;

22:40- Resultado mantido. Quase simultâneo mas argentino empata (14-14).


22:40 Ambos se embalam no meio de pista e é simultâneo. Depois uma ação parecida acontece, mas árbitro dá vantagem ao venezuelano Quintero (14-13). Di Tella pede revisão.


22:39 Argentino perde timing, é levado para fundo de pista mas consegue contra-ataque e empata: 13-13, pela primeira vez no combate.


22:39 Di Tella faz dois pontos em sequencia e diminui 13-11. Ele leva venezuelano para fim de pista e diminui: 13x12 ainda para venezuelano.


22:38 Novo 'abraço' no meio da pista (ARG9x12 VEN) mas Quintero consegue contra-golpe e faz 13-9. 


22:37 Argentino diminui (11-7), e em dois pontos, ambos se embolam e comemoram. Um ponto para cada (12-8 para venezuelano)

  

22:36 Quintero abre 11-5. Di Tella pede revisão em ídveo, mas placar mantém.


22:34 Intervalo. Quintero mostra que ranking não resolve nada e abre 8 a 4. 


22:33 Quintero abre 6x3, di Tella faz 6x4, e Quintero abre 8x4


22:32 Di Tella busca: 3x5


22:31 Quintero abre 5 a 0.


22:30 O venezuelano Quintero abre 3 a 0 rapidamente.


22:24 O argentino Pascual Maria di Tella (39º do ranking) será desafiado em instantes pelo venezuelano José Quintero na final do sabre masculino. O chileno Victor Contreras e o cubano Harold Rodriguez levaram os bronzes. O brasileiro Bruno Pekelman ficou em sétimo lugar. O hermano busca a primeira vaga da esgrima argentina em Tóquio.


22:18 Nem Cuba nem Argentina ainda não tem esgrimistas em Tóquio. Os hermanos tem mais chances amanhã: A argentina Maria Belen Perez Maurice é a maior favorita no sabre feminino,  Augusto Antonio Servello é segundo melhor ranqueado no florete masculino e Isabel di Tella,  hermana mais velha literalmente de Pascual Maria, é a cabeça 4 na espada feminina. Já Cuba conta apenas com Yamika Rodriguez Quesada amanhã na espada feminina.


22:17 Argentino e cubano comemoram muito ponto. Árbitros checam vídeo e dão pontos para argentino que vence por 15 a 13. Cubano fica inconsolado.


22:16 12x12 na outra semifinal. Pascual di Tella consegue dois pontos rapidamente, mas cubano dimimui (14x13). 


22:16 A Venezuela já tem uma vaga em Tóquio, com o campeão olímpico de Londres 2012, Ruben Limardo na espada masculina.


22:15 No outro confronto, Jose Quintero venceu por 15 a 10 o chileno Victor Contrerars. O venezuelano, é bom lembrar, perdeu por 5 a 2 para Bruno Pekelman na fase de poules. 


22:10 Principal favorito, Pascual Maria di Tella vencia por 4 a 1 e agora perde para o cubano Harold Rodriguez por 8 a 6. Posso queimar a língua, mas pinta de final antecipada. 


22:09 E começam as semifinais do sabre masculino. O venezuelano E começam as semifinais do sabre masculino. José Quintero vai para o intervalo contra Victor Contreras com vantagem sobre o chileno. Pascual Maria di Tella e o cubano Harold Rodriguez empatam por 5 a 5.


21:54 Bruno Pekelman não consegue marcar depois da volta. Cubano fecha 15 a 6 e enfrenta argentino na semifinal.


21:54 Cubano amplia 13 a 6.


21:53 Harold Rodriguez começa bem segundo tempo e amplia vantagem por 10 a 6. Bruno Pekelman cai no chão depois de um ataque forte do cubano. Médico faz rápido exame e está tudo ok. Confronto volta.


21:52 Pascual Maria di Tella se garante na semifinal com vitória por 15 a 6 sobre Teddy Weller, das Ilhas Virgens, e enfrentará vencedor deste confronto. NA outra semi, Victor Contreras (venceu colombianoLuis Villa Correa por 15 a 13) e venezuelano Jose Quintero (derrotou mexicano Gibran Zea por 15 a 8) se enfrentam. Isso se os atletas não estiverem de lados opostos,como aconteceu mais cedo.


21:51 Fio que liga o corpo de um dos atletas ao aparato eletrônico deu defeito e há momento de troca de material.



21:50 Bruno Pekelman recebe instruções de seu mestre-de-armas Alkhas Lakerbai, técnico da seleção brasileira. 


21:48 Ops, era 7 a 5. Pekelman consegue um ótimo ataque de meio e agora sim: 7x6 para cubano. Rodriguez consegue ataque no meio, 8 a 6. Intervalo de um minuto.


21:47 Harold Rodriguez força Pekelman para fundo de pista e abre 6x5. Pekelman cai no vazio em ataque no meio, vai para defensiva e cubano amplia 7 a 6.


21:46 Bruno Pekelman tenta flecha mas erra tempo e cubano abre 5x4. Em seguida, cubano vai para o ataque, mas brasileiro faz parada-resposta: BRA 5x5 CUB


21:46 Sabristas se estudam no meio de pista, Bruno vai para o ataque e empata: 4x4.


21:45 Cubano consegue ponto mas Bruno faz um rápido ataque no meio. BRA 3x4CUB


21:45 Pekelman aparentemente consegue novo toque, mas ele percebe que seus toques não estão valendo. Constatando erro na arma, o placar volta 2-1. Cubano tenta recuperar ponto anterior, mas juiz não permite. Em seguida, Harold Rodriguez faz dois ataques no fundo de pista do brasileiro e vira o placar: BRA2x3CUB


21:44 Bruno Pekelman faz um forte ataque no meio (2-1).  


21:44 Bruno Pekelman perde tempo de ataque no meio, vai para fundo de pista e Harold Rodriguez abre 1 a 0. Em seguida, puxa o cubano para perto e consegue o ponto. 


21:43 Vai começar!!


21:38 Em dois minutos começa as quartas-de-final. Relembre os confrontos:


[1] Pascual Maria di Tella (ARG, 39º) x [8] Teddy Welles (ISV, 250º)  

[4] Bruno Pekelman (BRA, 169º) x Harold de la Caridad Rodriguez Martinez (CUB, sem ranking)

[3] Luis Correa Vila (COL, 98º) x Victor Contreras (CHI, 121º)

[2] Gabriel Zea (MEX, 89º) x [7] Jose Quintero (VEN, 234º) 


21:35 Voltamos!! Nos dois confrontos de oitavas, o venezuelano José Quintero venceu o uruguaio Guillermo Maclean por 15 a 9 e Teddy Weller, das Ilhas Virgens passou pelo hondurenho Marco A. Izaguirre Sanchez. Weller busca ser o primeiro atleta de seu país classificado para Tóquio 2020.


21:12 O caminho de Pekelman rumo à vaga olímpica é difícil: ele enfrenta o cubano, medalhista de bronze no Pan de Lima 2019 nas quartas e pode pegar na semifinal o argentino cabeça 1 e prata em Lima 2019 e estreia direto nas quartas, antes de reencontrar o mexicano Gabriel Zea que o derrotou por 5 a 0 na poule. Mas jogo de 15 é outra história!


[1] Pascual Maria di Tella (ARG, 39º) x [9] Marco A. Izaguirre Sanchez (HON, sem ranking) ou [8] Teddy Welles (ISV, 250º)  

[4] Bruno Pekelman (BRA, 169º) x Harold de la Caridad Rodriguez Martinez (CUB, sem ranking)

[3] Luis Correa Vila (COL, 98º) x Victor Contreras (CHI, 121º)

[2] Gabriel Zea (MEX, 89º) x [7] Jose Quintero (VEN, 234º) ou [10] Guillermo Maclean (URU, 250º)


21:08 Conforme nossa previsão, Pekelman enfrenta Harold de La Caridad Rodriguez Martinez nas quartas. O jogo está previsto para 21:40 mas pode ser antecipado, assim como aconteceu na disputa de florete. 

Antes, dois jogos pelas oitavas serão disputados:


[9] Marco A. Izaguirre Sanchez (HON, sem ranking) x [8] Teddy Weller (ISV, 250º) 

[7] Jose Quintero (VEN, 234º) x [10] Guillermo Maclean (URU, 408º)


Lembrando que Ilhas Virgens ainda não tem representante garantido em nenhuma modalidade nos Jogos Olímpicos de Tóquio.


21:05 Enquanto isso aproveitamos novamente a pausa para pedir ajuda em nosso Crowdfunding para garantir a ida de nosso jornalista credenciado para os Jogos Olímpicos de Tóquio!! Se você curte nosso trabalho, apoie por favor a nossa vaquinha ou compartilhe nossa campanha clicando aqui!! Muito obrigado e seguimos rumo a Tóquio!!


21:03 Bruno Pekelman ficou em quarto na fase de poules, mas assim como no Pan-Americano de Lima 2019 não deu muita sorte no confronto eliminatório. Ele enfrenta o cubano Harold de La Caridad Rodriguez Martinez nas quartas. Apesar de não ter ranking, Rodriguez foi medalhista de bronze no Pan de Lima 2019. É bom lembrar que Cuba ainda não tem vaga na Esgrima em Tóquio 2020.


20:54 Pelos outros confrontos, Bruno Pekelman já está entre os cinco primeiros da fase de poule e está direto nas quartas. Resta saber quem vai enfrentar.


20:47 Bruno Pekelman consegue um belo ataque (2-0), depois flecha (3-0) e belo ataque (4-0), mas sofre golpe baixo e parece sentir um pouco. Após alguns segundos de recuperação volta e fecha por 5 a 0. 


20:46 Bruno Peklelman entra em pista contra atleta do Panamá e já abre 1 a 0  com belo ataque de fundo.


20:44 Reprodução: Canal Olímpico do Brasil / TVN Sports. Bruno Pekelman volta em instantes para último jogo de poule.

Bruno Pekelman Tóquio 2020 Pan-Americano Pré-Olímpico esgrima sabre masculino


20:43 Em ótimo contra-ataque, Pekelman fecha em 5-2 contra Jose Quintero, que estava invicto. 


20:42 Dois ótimos ataques de Bruno e 4-2


20:41 Pekelman abre 2-0. Venezuelano pediu vídeo, mas árbitro manteve. No meio de pista, Pekelman atinge na perna e Quintero aproveita para diminuir. Em seguida empata com ataque no meio de pista.


20:40 Bruno Pekelman agora em ação contra José Quintero. Vitória diante do venezuelano é bom para se garantir direto nas quartas.


20:34 Jamaicano faz primeiro ponto. Em seguida, Mitchell-Rowe tenta novo ataque, mas Pekelman consegue belíssimo contra-ataque e abre 4 a 1. Novo trabalho de defesa ótimo sela a vitória para Pekelman por 5 a 1. Confronto importante agora diante do venezuelano Quintero.


20:33 Bruno Pekelman amplia 3 a 0. Se defende bem e consegue uma boa flecha no fundo de pista e em seguida marca novo toque.


20:32 Pekelman abre 1 a 0 com belo ataque no meio de pista;


20:31 Bruno Pekelman em pista contra jamaicano Decordoba Mitchell-Rowe


20:29 Conforme Vinicius Rodrigues noticiou na narração do Canal Olímpico do Brasil, Pekelman enfrenta na sequência: o jamaicano Decordoba Mitchell-Rowe; o venezuelano Jose Quintero e o panamenho Edward Gabriel Gallardo Melendez. Mais uma vitória praticamente garante o brasileiro na fase eliminatória.


20:27 Lembrando que por conta da velocidade no jogo de sabre, não existe controle de tempo e o jogo vai até o primeiro esgrimista marcar 5 pontos (o que geralmente acontece bem rápido). 

Bruno Pekelman consegue ampliar para 3 a 0, dá mole e leva contra-ataque de Izaguirre (3-1). Pekelman consegue novo ataque e amplia para 4-1. Em sequência, o hondurenho consegue um ataque, mas Pekelman pede vídeo alegando toque de lâmina o que inverte a prioridade. Árbitros concordam com o brasileiro e vitória de Bruno Pekelman por 5 a 1.


20:26 Bruno Pekelamn leva o adversário até o fundo de pista e consegue o primeiro ponto na competição. Em seguida, consegue um ponto disputado e amplia vantagem para 2 a 0.


20:25 ops, falha nossa. Pekelman enfrenta agora Marco A. Izaguirre Sanchez de Honduras.


20:23 Gibran Zea venceu novo confronto por 5 a 0 e se mostra um dos principais favoritos para a vaga. Bruno Pekelman tenta se recuperar contra o panamenho Edward Gabriel Gallardo Melendez em instantes.


20:16 Mexicano Gibran Zea começa com tudo. Em dois simultâneos, leva o ataque. Bruno Pekelman buscou se preparar melhor, mas não foi o suficiente e Zea fez mais dois toques. Em novo duelo no meio de pista, Zea faz quinto toque e vence por 5 a 0.


20:15 Bruno já começa com pedreira, diante do mexicano, principal favorito de sua poule. 


20:12 Depois da cerimônia de pódio do florete feminino, agora começa as competições de sabre masculino. Confira todos os detalhes aqui no nosso guia. Serão 13 atletas por uma vaga. O principal favorito disparado, o argentino Pascual Maria di Tella já está garantido nas quartas. Os cinco primeiros da poule também se garantem nas quartas enquanto do sexto ao nono disputa as oitavas.

O Bruno Pekelman (169º) do ranking enfrenta na poule 1:


Gibran Zea (México, 89º do ranking)

Jose Quintero (Venezuela, 234º do ranking)

Decordoba Mitchell-Rowe (Jamaica, 474º do ranking)

Edward Gabriel Gallardo Melendez (Panamá, sem ranking)

Marco A. Izaguirre Sanchez (Honduras, sem ranking)


19:49 Katina Proestakis vence por 15 a 12 a mexicana Nataly Michel. A chilena de 18 anos garante a primeira vaga da esgrima do Chile na competição. Única derrota dela na competição foi na fase de poules para a brasileira Bia Bulcão. 

Juvenil chilena comemora vaga olímpica - Foto: Reprodução / Canal Olímpico do Brasil


 

19:47 Chilena de 18 anos, Katina Proestakis engata no fim e chega ao intervalo com vantagem de 11 a 7 diante de Nataly Michel


19:45 Jogo continua super acirrado. 7-7


19:40 Assim como Bia Bulcão, Nataly Michel busca sua segunda Olimpíada. Ela foi medalhista de bronze no Pan de Guadalajara em 2011 e caiu nas quartas de Lima 2019 para Bia Bulcão.

Aliás, relembre aqui a campanha de Bia: Bia Bulcão leva revanche de mexicana e fica com bronze, mas fora das Olimpíadas


19:38 Nataly Michel começa muito bem a final e lidera por 3 a 1, mas a chilena Katina Proestakis empata por a 3 a 3. A chilena de 18 anos deu sufoco para a eventual campeã May Tieu, dos EUA nas oitavas de final do Mundial Juvenil disputado em Cairo no início de abril, conforme noticiamos na época.


19:20 Nataly Michel chega ao "ponto do jogo", com 14 a 7. Bia diminui (14-8), faltando 20 segundos. Nataly Michel chega no ponto decisivo com 14 segundos e está na final: 15-8 e enfrenta a chilena Katina Proestakis que venceu a argentina Flavia Johanna Mormandi por 15-9. Será a primeira vaga para Chile ou México na esgrima em Tóquio 2020.


19:19 Novamente um ponto para cada. Michel amplia (12-6), mas Bia diminui (12-7). Michel amplia 13-7 faltando 36 segundos.


19:17 Nataly Michel faz 11 a 4, mas árbitros revêem decisão e Bia consegue ponto: 10 a 5. Em seguida, um ponto para cada lado e 11-6 faltando 1 minuto para segundo tempo.


19:15 Arbitragem de video resolve não dar ponto para Michel, mas mexicana consegue 10º ponto logo no retorno ao combate.


19:13 Bia consegue o primeiro toque no segundo tempo e diminui : 9 a 3. Faltam 2:20 no segundo tempo. Novo ponto de Bia, mas mexicana ainda lidera por 9 a 4.


19:12 Nataly Michel abre 9 a 2 no início do segundo tempo. 


19:11 Bia Bulcão não consegue encontrar um ponto fraco de Nataly Michel e mexicana abre 8 a 2 no primeiro tempo. Na outra semifinal, a chilena Katina Proestakis abre 9 a 7 diante da argentina Flavia Johanna Mormandi.


19:07 Michel consegue o quinto ponto, mas é anulado. Em seguida, a mexicana marca novamente 5-1 e ainda amplia 6-1. Faltam 48 segundos.


19:06 Assim como no jogo de quartas, Bia começa mal e Nataly Michel abre 4 a 0, mas Bia consegue  primeiro toque. Faltam 1:20 no primeiro tempo.

 

19:04 Com 50 segundos de jogo, finalmente alguém abre o placar e infelizmente é Michel. Principal favorita no torneio abre 2 a 0 já com 64 segundos de combate.


19:03 Semifinais começam agora. Com 27 segundos de confronto, Bia Bulcão está recebendo atendimento médico, aparentando ter tido uma leve torção no tornozelo no lado da pista, mas logo se levantou. Lembrando as semifinais: 


[1] Ana Beatriz Bulcão (BRA, 81ª) x [4] Nataly Michel (MEX, 74ª) 

[3] Katina Proestakis (CHI, 78ª) x [2] Flavia Johanna Mormandi (ARG 93ª)


18:42 Lembrando esse jogo bem louco: Gil Piñero fez 6 a 2; depois Bulcão fez oito pontos seguidos e liderou por 10 a 6; a peruana fez seis pontos seguidos passando na frente por 12 a 10; brasileira domina parte final, faz cinco pontos seguidos e vence por 15 a 10. 


18:40 Bia Bulcão faz 14-12. Peruana pede revisão e é negada. Bia fez os últimos cinco pontos e venceu por 15 a 12.


18:38 Gil Piñero abre 12 a 10 e Bia Bulcão troca arma para esfriar o combate. A tática deu certa e a brasileira fez três pontos, indo para o último intervalo com vantagem de 13 a 12.


18:36 Peruana Paola Carolina Gil Piñero fez 6 a 2, mas sofreu virada por 10 a 6 após a brasileira ter feito oito toques seguidos. Bia Bulcão parece sentir um pouco e permite que peruana faça quatro pontos em sequência. 10 a 10, faltando  1 minuto para o segundo intervalo.


18:35 Um minuto de segundo tempo e só deu Bia no segundo tempo, que fez 5 toques e agora lidera por 10 a 6.

18:34 30 segundos de segundo tempo e Bia Bulcão segue com bom momento, virando o placar em 7 a 6. Ataque não válido da peruana e em seguida ataque não-válido da brasileira. Faltando 2:13 no segundo tempo, Bia faz dois pontos em sequência: 9 a 6.


18:32 Bia Bulcão consegue dois pontos e vai para o intervalo com desvantagem mínima: 6 a 5 após um toque duplo inválido no último segundo.


18:30 Bia Bulcão diminui para 5 a 2, mas peruana retorna o toque. Uma série de luzes brancas indicando toques inválidos. Toque duplo e indecisão levam os árbitros checarem vídeo e dar ponto para Bia. 6 a 3.  Faltam 30 segundos para o fim do primeiro tempo. 


18:29 Peruana abre 5 a 1 faltando 75 segundos. Bia Bulcão contesta o quinto toque, acirrado, mas árbitros mantêm sua decisão.


18:28 Confira os outros resultados de quartas:


[4] Nataly Michel (MEX, 74ª) 15x4 [5] Isis Gimenez (VEN, 243ª) 

[3] Katina Proestakis (CHI, 78ª) 15x7 Camila Alexandra Ortiz Sanchez (ECU, 468ª) 

[2] Flavia Johanna Mormandi (ARG 93ª) 15x4 Alanis Rivera Roig (PUR, sem ranking)


18:25 Começa o confronto de Bia Bulcão diante da peruana. Na poule, a brasileira venceu por 5 a 2 e por enquanto Gil Piñero lidera por 3 a 1 faltando 2 minutos para o intervalo. 

Bia Bulcão  Ana Beatriz Bulcão Brasil Esgrima pré-olímpico


18:10 O jogo de Bia Bulcão contra a peruana Paola Carolina Gil Piñero ainda não começou mas as três outras quartas já iniciaram. Placares do momento:


[1] Ana Beatriz Bulcão (BRA,81ª)  0x0 [9] Paola Carolina Gil Piñero (PER, 384ª)

[4] Nataly Michel (MEX, 74ª) 5x3 [5] Isis Gimenez (VEN, 243ª) - 1º tempo, falta 15 segundos

[3] Katina Proestakis (CHI, 78ª) 6x2 Camila Alexandra Ortiz Sanchez (ECU, 468ª) - 1º tempo, falta 75 segundos

[2] Flavia Johanna Mormandi (ARG 93ª) 0x9 Alanis Rivera Roig (PUR, sem ranking) - 1º tempo, falta 30 segundos


18:05 Enquanto isso aproveitamos novamente a pausa para pedir ajuda em nosso Crowdfunding para garantir a ida de nosso jornalista credenciado para os Jogos Olímpicos de Tóquio!! Se você curte nosso trabalho, apoie por favor a nossa vaquinha ou compartilhe nossa campanha clicando aqui!! Muito obrigado e seguimos rumo a Tóquio!! 

 

18:00 A peruana Paola Carolina Gil Piñero vence a jamaicana Meeah Bradford por 15 a 4 e será a adversária da brasileira Bia Bulcão nas quartas. A previsão era que as quartas inciem-se às 18:35, mas como adiantaram o jogo de oitavas, ficaremos atento aqui.


17:45 Intervalo na esgrima. Único jogo de oitavas-de-final acaba de começar, horário de Brasília:


- [8] Meeah Bradford (JAM, sem ranking) x Paola Carolina Gil Piñero (PER, 384ª). 


A vencedora enfrenta a brasileira Bia Bulcão nas quartas. A jamaicana tem apenas 16 anos enquanto a peruana caiu duas vezes contra a brasileira: primeiro literalmente e precisou de atendimento médico logo no início do combate; e depois por 5-2 ao fim do jogo.


Confira as quartas:


[1] Ana Beatriz Bulcão (BRA,81ª)  x [8] Bradford ou [9] Gil Piñero 

[4] Nataly Michel (MEX, 74ª) x [5] Isis Gimenez (VEN, 243ª)

[3] Katina Proestakis (CHI, 78ª) x Camila Alexandra Ortiz Sanchez (ECU, 468ª)

[2] Flavia Johanna Mormandi (ARG 93ª) x Alanis Rivera Roig (PUR, sem ranking)


17:33 Ana Beatriz Bulcão enfrentará nas quartas a vencedora entre a jamaicana Meeah Bradford (sem ranking) e a peruana Paola Carolina Gil Piñero (384ª). Será a único confronto de oitavas. As outras sete classificadas já estão direto nas quartas.


17:30 Bia Bulcão termina em primeiro na poule e é a única dentre as 12 atletas a estar invicta durante o dia.


17:25 Bia consegue o empate e a virada. Chega a marcar o quinto ponto, mas não foi válido. Rivera Roig empata (4-4) e faltando poucos segundos para o fim Bia Bulcão vence por 5 a 4 contra a porto-riquenha Alanis Rivera Roig.


17:24 Apesar de não ter ranking na Federação Internacional de Esgrima (FIE), a porto-riquenha está sendo a atleta mais difícil contra a Bia. Alanis Rivera Roig abriu 2 a 1, Bia buscou o empate, mas Rivera conseguiu retomar a vantagem. 3 a 2 faltando 40 segundos.


17:22 Ao contrário dos outros combates, a catimba é o destaque por enquanto. Bia Bulcão tentou quatro ataques, sem ponto e só com 45 segundos abriu o marcador. Logo em sequência, a porto-riquenha empatou. Alguns toques vazios com luz branca e o jogo permanece em 1 a 1 na metade do tempo. Faltam 90 segundos para o final.


17:20 Bia Bulcão em seu último combate contra Alanis Rivera Roig, de Porto Rico.  


17:06 Bia Bulcão vence por 5 a 2 a atleta do Equador e segue invicta.


17:05 45 segundos de combate e Bia Bulcão saiu atrás do marcador, mas está na frente por 3 a 1.


17:04 Bia Bulcão inicia quarto combate diante da equatoriana Camila Ortiz. 


16:59 Bia Bulcão consegue ponto incrível, vira o jogo por 5 a 4 e permanece invicta na competição.


16:58 Em jogo entre duas das favoritas à vaga, ambas fazem toque vazio e placar permanece 4 a 3. Bia Bulcão consegue contra-ataque e empata 4-4.


16:57 Bia Bulcão lidera por 3 a 2, mas recebe o toque de Proestakis. A chilena vira o jogo por 4 a 3.


16:52 Bia Bulcão enfrenta chilena Katina Proestakis, atleta de melhor ranking da poule, em instantes.


16:49 Peruana diminui para 3 a 2 e quase consegue empate, mas toca no vazio. Faltando 1:48, Gil Piñero consegue novo toque, mas já estava fora da pista e assim não leva ponto. Bia faz dois pontos velozmente e consegue segunda vitória, desta vez por 5-2.

Placar final: Ana Beatriz Bulcão (81ª) 5x2 Paola Carolina Gil Piñero (Peru, 384ª)


16:47 Peruana consegue voltar à pista, mas Bia Bulcão domina primeiros instantes e abre 2-0 nos primeiros 20 segundos de retorno. Gil Piñero diminuiu para 2 a 1. Em toque duvidoso, a peruana consegue empatar, mas Bia Bulcão pede revisão de vídeo. O árbitro percebe que a ação era válida para Bia e amplia para 3 a 1.


16:40 Nos primeiros segundos do segundo combate de Bia Bulcão, a peruana Paola Carolina Gil Piñero sofreu uma lesão no tornozelo e está agora em atendimento médico. Placar permanecia 0 a 0.


16:25 Bia Bulcão começa bem com vitória tranquila por 5 a 0, diante de Kenia Saucedo, adversária de 20 anos.


16:20 Bia Bulcão estreia contra Kenia Saucedo, da Guatemala.


16:15 E começam as poules!! Bia Bulcão entra em pista logo logo.


16:05 Aproveitando a pausa para fazer novamente a campanha em prol de nosso Crowdfunding para garantir a ida de nosso jornalista credenciado para os Jogos Olímpicos de Tóquio!! Se você curte nosso trabalho, apoie por favor a nossa vaquinha ou compartilhe nossa campanha clicando aqui!! Muito obrigado e seguimos rumo a Tóquio!!  


16:00 As disputas do florete feminino estão programadas para começar às 16h, com Ana Beatriz Bulcão tentando mais uma vaga olímpica para o Brasil, mas deve demorar um pouco para começar. 81ª melhor do mundo no ranking da Federação Internacional de Esgrima (FIE), Bia Bulcão é a terceira favorita e enfrenta em sua poule:


- Camila Alexandra Ortiz Sanchez (Equador, 468ª do ranking)

- Alains Rivera Roig (Porto Rico, sem ranking)

- Katina Proestakis (Chile, 78ª do ranking)

- Paola Carolina Gil Piñero (Peru, 384ª do ranking)

- Kenia Saucedo (Guatemala, sem ranking) 


DEFINIÇÃO DE VAGA OLÍMPICA 15:57 E deu CANADÁ!!! Marc-Antoine Blais-Belanger surpreendeu o principal favorito Yunior Reytor Venet e levou a vaga. Canadá agora só não tem representantes na espada feminina, onde sua atleta será a principal cabeça amanhã.


Já Cuba segue sem esgrimistas classificados para Tóquio 2020. O país  tem apenas outros dois atletas no Pan-Americano: Yamilka Rodriguez Quesada (112ª) na espada feminina e Harold Rodríguez, sem ranking, mas que foi medalhista de bronze no Pan de Lima.

Marc-Antoine Blais-Belanger Canadá pré-olímpico
Canadense Marc-Antoine Blais-Belanger comemora vaga olímpica - Foto: Reprodução


15:55 Blais-Belanger chega a 14 a 10, mas cubano pede vídeo, alegando que o canadense saiu da pista. Árbitros mantêm o ponto, e faltando 1:30, o canadense tem cinco chances de levar a vaga.


15:53 Reytor Venet busca se aproximar, mas dois toques duplos deixa Blais-Belanger próximo da vaga: 13-10 faltando dois minutos e nove segundos. 


15:51 Canadense Blais-Belanger aumenta vantagem para 10-5. Reytor Venet diminui, mas segundo tempo termina com 10-6.


15:46 Cubano diminui mais ainda e alcança o terceiro toque. Ele permanece no saque, enquanto Blais-Belanger fica na defensiva e  amplia para 5 a 3, faltando 2 minutos para o último intervalo.


15:43 Reytor Venet diminui o placar, mas Blais-Belanger mantêm vantagem por 4-2.


15:42 Primeiro minuto sem toque e ambos esgrimistas levam cartão amarelo. O canadense Blais-Belanger começa muito bem, especialmente em contra-ataques, abrindo 4 a 1, faltando 30 segundos para o primeiro intervalo.


15:40 Começa a grande final entre Canadá e Cuba. Lembrando os resultados das semifinais:


[1] Yunior Reytor Venet (CUB, 42º) 15x9 [5] Athos Schwantes (BRA, 154º)

[6] Marc-Antoine Blais-Belanger (CAN, 97º) 15x13 [2] John Edison Rodriguez (COL, 53º)


Schwantes e Edison levaram medalha de bronze.


15:35 Confira o resumo da campanha do brasileiro aqui:

Surte+  Athos Schwantes leva bronze no Pan de Esgrima, mas fica sem vaga olímpica


15:24 Cubano começa muito bem a todo vapor fazendo 12 a 6. Toque duplo marca 13-7. O brasileiro diminui o placar (13-8), mas um toque duplo (14-9) coloca o cubano a um ponto da vaga. Faltando 2:33 para o fim do confronto, Reytor fecha o placar: 15-9.


15:22 Reytor permanece no fundo de pista por vários segundos, até trazer Schwantes para perto, que cai na armadilha cubana. Novo intervalo, com vitória parcial por 10 a 6 para o cubano. 

Canadense Blais-Belanger está vencendo o colombiano Rodriguez no outro confronto por 8 a 7, faltando 2 minutos e 40 segundos para fim do confronto.


15:21 Athos Schwantes faz boa passada, provoca o cubano, mas consegue se esquivar e marcar um novo toque. Cubano ainda lidera por 9 a 6 faltando 40 segundos para o fim do segundo tempo.


15:20 O principal favorito amplia (9-3), mas Athos Schwantes consegue dois belos toques e diminui para 9 a 5, faltando 1:20 para o último intervalo.


15:19 Cubano começa bem o segundo tempo, com um toque duplo (7-3) e amplia para 8-3 com 30 segundos de combate na volta.


15:16  Primeiro intervalo, em que o cubano Yunior Reytor Venet está em vantagem por 6 a 2. O canadense Marc-Antoine Blais-Belanger está surpreendendo o colombiano John Edison Rodriguez no outro confronto, com 6-4, no segundo salto.


15:15 Cubano amplia o marcador (5-1) e fica na defensiva por vários segundos, mas não impede o ponto de Schwantes. O brasileiro diminui para 5-2 em um toque duplo - mas como o cubano pisou fora da pista, não ganhou ponto -, faltando 30 segundos para o intervalo.


15:13 Primeiro minuto muito favorável ao cubano Yunior Reytor Venet que abre 3 a 0. Schwantes consegue diminuir contra o 42º melhor do mundo (3-1), mas Venet, principal favorito, amplia para 4 a 1. Faltam 1 minuto e meio para o fim do primeiro tempo.


15:10 Os confrontos começam em instantes.

14:58 As semifinais começam em instantes. Os quatro atletas já garantiram no mínimo a medalha de bronze. Dos quatro países, apenas Cuba ainda não tem representante em Tóquio 2020. Lembrando que apenas o campeão se garante nos Jogos Olímpicos e esta é a última chance. Confira as semifinais:


[1] Yunior Reytor Venet (CUB, 42º) x [5] Athos Schwantes (BRA, 154º)

[6] Marc-Antoine Blais-Belanger (CAN, 97º) x [2] John Edison Rodriguez (COL, 53º)


Na esgrima, aquele que vence um favorito "toma" o chaveamento dele na fase seguinte. Porém resolvemos manter o chaveamento original de Schwantes e Blais-Belanger para melhor compreensão.


14:56 Fim dos jogos de quartas-de-final. O argentino Dominguez, de 37 anos, e um dos principais favoritos, perdeu nas quartas. Confira os resultados:


[1] Yunior Reytor Venet (CUB, 42º) 15x9 [8] Eduardo Garcia (PER, 93º)

[4] Pablo Núñez (CHI, 71º) 8x15 [5] Athos Schwantes (BRA, 154º)

[3] José Felix Dominguez (ARG, 51º) 8x15 [6] Marc-Antoine Blais-Belanger (CAN, 97º);

[2] John Edison Rodriguez (COL, 53º) 15x10 [7] Hector Maisonet (PUR, 128º)



14:54 Schwantes consegue chegar a 14 e alcança oito "toques do jogo". Núñez diminui para 14 a 8, mas Schwantes garante a vaga na semifinal e medalha de bronze com uma vitória por 15 a 8, faltando 47 segundos.


14:53 Núñez melhora um pouco no jogo e após um toque duplo (13-5), faz dois toques simples e diminui para 13-7. Faltam 70 segundos ou dois toques.

 

14:52 Athos Schwantes amplia o marcador para 11 a 4, toque confirmado por video. Faltando dois minutos, novo toque do brasileiro, que domina completamente o jogo: 12 a 4.


14:51 O vencedor de Schwantes e Núñez enfrenta o vencedor do principal favorito Yunior Reytor Venet (42º), contra o peruano Eduardo Garcia (93º). O cubano vencia por 8 a 3, mas agora o peruano diminui o placar e está em 9 a 7.


14:49 Início do terceiro tempo, com vitória ampla de Athos Schwantes por 10 a 4. Faltam 3 minutos!


14:48 Primeiro semifinalista definido: o colombiano John Edison Rodriguez confirmou o favoritismo diante do porto-riquenho HEctor Maisonet por 15 a 10.

 

14:47  Schwantes continua provocando o chileno e faz 6-3. Núñez alcança um contra-ataque e diminui para 6-4. Athos em seguida faz três pontos muito rapidamente e amplia para 9-4, faltando 1 minuto para o último intervalo.


14:45 Início do segundo tempo, com um repeteco do primeiro. Tanto Núñez quanto Schwantes permanecem na defensiva, mas o chileno consegue um toque em contra-ataque e diminui 5-3. Faltam 2 minutos para o fim do segundo tempo.


14:42 Schwantes consegue dois pontos de ataques muito bem trabalhados. Primeiro intervalo, com Schwantes na frente do placar por 5 2.


14:40 Após um minuto sem pontuação, há toque duplo (1-1). Com mais 20 segundos, Núñez atinge o corpo do brasileiro e amplia para 2-1, mas Schwantes consegue marcar dois pontos em sequência e vira para 3-2. Falta 1 minuto para o fim do primeiro tempo.


14:38 E começa o jogo entre Pablo Núñez e Athos Schwantes. Serão três tempos de três minutos, e o confronto pode acabar se algum atleta atingir 15 pontos.

 

14:26 Quartas-de-finais definidas na disputa pela vaga olímpica continental na espada: 

[1] Yunior Reytor Venet (CUB, 42º) x [8] Eduardo Garcia (PER, 93º)

[4] Pablo Núñez (CHI, 71º) x [5] Athos Schwantes (BRA, 154º); 

[3] José Felix Dominguez (ARG, 51º) x [6] Marc-Antoine Blais-Belanger (CAN, 97º);

[2] John Edison Rodriguez (COL, 53º) x [7] Hector Maisonet (PUR, 128º)


Os jogos começam em instantes.


14:12 Os três confrontos de oitavas de finais estao sendo realizados agora, entre esgrimistas de Peru x México, Panamá e Porto Rico e Canadá e República Dominicana. O brasileiro Athos Schwantes já está garantido nas quartas.


14:00 Athos Schwantes completou sua fase de poules com quatro vitórias e duas derrotas. Ele venceu o colombiano John Edison Rodriguez (57º, por 5 a 4), Avinash Vishnu Somir (691º, por 5 a 1), de Guiana, Saul Moris Villacorta Portillo (784º, por 5 a 1), de El Salvador, Hector Cap (sem ranking, por 5 a 0), de Guatemala. O confronto contra Edison Rodriguez foi especialmente emocionante pois o brasileiro estava perdendo por 3 a 1 e virou o placar. 


Schwantes perdeu para o chileno Pablo Núnez (71º) e para Hector Maisonet (128º), de Porto Rico. Ambos os confrontos terminaram em 1 a 1, mas como empate não é permitido na esgrima, um tempo extra foi jogado, sempre com vitória do rival de Schwantes por 2 a1.


Foto no topo: Divulgação / CBE

Nenhum comentário:

Postar um comentário