Bia Haddad vence sexto jogo consecutivo em Portugal; Laura Pigossi também avança em Figueira da Foz - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Bia Haddad vence sexto jogo consecutivo em Portugal; Laura Pigossi também avança em Figueira da Foz

Compartilhe
Beatriz Haddad Maia Tênis Portugal


Por Mateus Nagime e Wesley Felix

Beatriz Haddad Maia segue sem perder desde seu retorno às quadras. Nesta quarta-feira, ela venceu a lituana Justina Mikulskyte na estreia do ITF W25+ de Figueira da Foz. Em 2 horas e 56 minutos, Bia venceu por 6-3, 5-7, 6-1 e garantiu-se nas oitavas. Ainda em Portugal, Laura Pigossi também venceu seu jogo de estreia, enquanto Carol Meligeni Alves caiu. Na Itália, Gabriela Cé também foi eliminada.

Ainda que Bia Haddad não tenha estado em perigo em nenhum momento, as quase três horas passadas em quadra poderão cobrar o preço durante a campanha. Ainda sob ranking de 1342 na WTA, ela também disputa a chave de duplas, ao lado de Ingrid Martins, e está nas quartas de final. A lituana é 611ª do mundo, posição exata que a brasileira deverá ocupar na semana que vem.


Melhor brasileira no ranking, até seu afastamento por doping acidental em 2019, ela enfrenta na segunda rodada a japonesa Yuriko Lily Miyazaki, 350ª do ranking, que surpreendeu a francesa Jessika Ponchet, 4ª favorita por 6-2, 7-6 (1).

Embalada pela campanha no qualificatório, Laura Pigossi (413ª) derrotou a ucraniana Valeriya Strakhova (378ª) em três sets, parciais de 6-3, 5-7, 6-3. Na segunda rodada, ela desafia a espanhola Georgina Garcia-Perez (283ª), quinta favorita do torneio. 

O saque das duas não funcionou muito e o jogo contou com 13 duplas faltas (6 para Pigossi) e 38 chances de quebra no total. Pigossi aproveitou oito dos 22 break points, enquanto foi quebrada por seis vezes em 16 tentativas. Dos 105 pontos que venceu nas 2 horas e 54 minutos de partida, apenas 52 foram em seu serviço.


Carolina Meligeni Alves, 401ª, levou virada da belga Magali Kapen, 429ª, em derrota por dois sets a um, parciais de 5-7, 6-1, 6-1. Superior num primeiro set equilibrado, em que quebrou a rival em quatro ocasiões, a brasileira foi amplamente dominada em sequência e não obteve qualquer break-point. Ela segue em Figueira da Foz para a disputa do torneio de duplas, ao lado da grega Valentini Grammatikopoul, onde já estão nas quartas.

Cabeça de chave número 4, Gabriela Cé (234ª) perdeu para a italiana Dalila Spiteri (631ª) em sua estreia no W25 de Tarvisio, na Itália. A brasileira foi derrotada por 2 sets a 0 (6-4, 7-6[5]), tendo sido quebrada no décimo game de cada um dos sets - no segundo set, ela sacava para o empate em 5-4, mas a italiana forçou o tie-break.

O jogo de Bia Haddad em detalhes

Bia Haddad começou bem o jogo, já com uma quebra no terceiro game, o que seria decisivo para a vitória no set. Ela salvou dois break points cada no sexto e oitavo game, antes que uma nova quebra lhe desse o primeiro set, com 6-3.

No segundo set, a lituana equilibrou mais o jogo. Na parcial que durou 76 minutos, ela sacou para vencer a parcial em 5-4, mas foi quebrada. Porém, a brasileira não confirmou e foi quebrada novamente. Ela chegou a ter break point para levar ao tie-break, mas a europeia fechou em 7-5.

Perdendo apenas o segundo set depois de seu retorno às quadras, Bia foi dominante na parcial decisiva, e mesmo sendo quebrada no quinto game, ela venceu todos os três serviços da rival, e fechou o jogo em 6-1.


Foto: Reprodução / Facebook Bia Haddad Maia

Nenhum comentário:

Postar um comentário