Brazilian Storm vai para Rottnest Island em busca do 100% na perna australiana - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Brazilian Storm vai para Rottnest Island em busca do 100% na perna australiana

Compartilhe


 

A WSL (Liga Mundial de Surfe) começa neste sábado (15) a etapa de Rottnest Island, a última das quatro que compõem a perna australiana. O Brasil venceu todas as etapas realizadas no país até aqui, com vitória de Ítalo Ferreira em Newcastle, Medina em Narrabeen e a dobradinha Filipe Toledo e Tatiana Weston Webb em Margaret River, esperando manter o 100% de aproveitamento.


Com o resultado da última etapa, Filipinho assumiu a terceira colocação do ranking e formou uma trinca brasileira nas primeiras posições, com Gabriel em primeiro e Ítalo em segundo. Já no feminino, Tati Weston-Webb está na segunda colocação, atrás da havaiana Carissa Moore. Esta é a primeira vez na história da liga que três brasileiros ocupam as três primeiras posições.


Surte+: Relembre a dobradinha em Margaret River


O evento marca a estreia da ilha de Rottnest no circuito, local a 20km de Perth, capital do estado de West Australia, na costa oeste do país. 


Rottnest Island  Foto:Majeks/WSL


Líder do ranking, Gabriel Medina, iniciará sua caminhada nas ondas de Strickland Bay, na sexta bateria, contra os australianos Jack Freestone e Kael Walsh, este último convidado para o evento. Já Ítalo, segundo na classificação, faz a bateria anterior contra Adriano de Souza, o Mineirinho, e Taj Burrow, australiano vencedor de 12 etapas da ASP, campeonato anterior a WSL.


“Estou animado pela oportunidade de voltar a vestir a lycra de competição pela última vez”, disse Taj. “Eu adoro Rottnest Island e acho que será um evento incrivelmente divertido para todos. Estou me sentindo feliz e bem relaxado. Só quero mesmo mostrar à minha família o que fiz em toda a minha vida e será ótimo também voltar a encontrar todos meus amigos do Tour”- completou.


Filipinho estreia no torneio contra Ethan Ewing e Liam O'Brien. Já Tati Weston-Webb estreará na segunda bateria contra a australiana Keely Andrew e a japonesa Tsuzuki Amuro.*


* O nome da surfista japonesa segue a cultura do país e a nova posição editorial do Surto Olímpico em chamar o atleta pela ordem sobrenome-nome.


Confira as baterias dos outros surfistas brasileiros na seeding round em Rottnest Island:

8ª: Conner Coffin (USA) x Peterson Crisanto (BRA) x Alex Ribeiro (BRA)

9ª: Frederico Morais (POR) x Jadson André (BRA) x Leonardo Fioravanti (ITA)

10ª: Jeremy Flores (FRA) x Seth Moniz (USA) x Miguel Pupo (BRA)

11ª: Caio Ibelli (BRA) x Yago Dora (BRA) x Michel Bourez (FRA)

12ª: Morgan Cibilic (AUS) x  Julian Wilson (AUS) x Deivid Silva (BRA)


A etapa de Rottnest Island tem sua primeira chamada neste sábado às 20 horas de Brasília e tem transmissão da WSL em seu app, site e YouTube, além da transmissão da ESPN 2 e Watch ESPN.


Foto em destaque: Cait Miers/ WSL


Nenhum comentário:

Postar um comentário