Dylan Alcott conquista sétimo título seguido de Australian Open na categoria Quad - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Dylan Alcott conquista sétimo título seguido de Australian Open na categoria Quad

Compartilhe

Com uma atuação espetacular, o australiano Dylan Alcott conquistou nesta quarta-feira (17), seu sétimo título seguido de Australian Open na categoria Quad do tênis em cadeira de rodas – para atletas com deficiência em três ou mais extremidades do corpo. Com parciais de 6-1 e 6-0, Alcott bateu o neerlandês Sam Schroeder para erguer seu 12ª título de Grand Slam em simples, um recorde em sua classe


Dylan disparou três aces e viu o adversário cometer seis duplas faltas. Foram 30 bolas vencedoras para o campeão, sendo 12 winners de recepção de saque e apenas 11 erros não-forçados ao longo da partida. 


O único game vencido por Schroeder foi o primeiro da partida, quando conseguiu quebrar o serviço de Alcott. Depois disso o australiano ganhou 12 games seguidos, com seis quebras de saque, três em cada parcial. 


Na última terça-feira (16), Alcott, número 1 do mundo no Quad, já tinha levantado o troféu de duplas do Australian Open, ao lado de seu compatriota Heath Davidson, sendo este o quarto título seguido da parceria no Major australiano


Surte + : Tsitsipas vira partida memorável contra Nadal e volta à semifinal do Australian Open


Títulos também foram definidos na categoria Open


A neerlandesa Diede De Groot, atual número 1 do mundo, conquistou seu terceiro título de Australian Open na carreira. Ela bateu a japonesa Yui Kamiji (2ª), que defendia o título da categoria Open, por 2 sets a 1, com placar de 6-3, 6-7(4) e 7-6(10-4), em 2h20 de partida. 


Este é o nono título de Grand Slam da neerlandesa em simples. De quebra, 2021 se torna o quarto ano seguido em que Diede De Groot conquista um Major. Na atual edição do Australian Open ela já havia vencido o torneio de duplas, ao lado da compatriota Aniek Van Koot


De Groot fez uma estratégia mais agressiva, disparando mais que o dobro de winners que a adversária (56 a 26), e consequentemente cometendo mais erros não-forçados (18 a 8). Mas com um aproveitamento melhor nos games de saque, a neerlandesa pode assegurar seu título. 


Surte + : Medvedev derrota Rublev e vai enfrentar Tsitsipas na semifinal do Australian Open


Já na final da categoria Open masculino, o belga Joachim Gerard, tetracampeão do Masters, venceu seu primeiro título de Grand Slam em simples na carreira. Após perder a decisão do Aberto da Austrália de 2016 e de Roland Garros 2020, ele finalmente ergueu o troféu ao bater o britânico Alfie Hewett por 2 sets a 1 (6-0, 4-6 e 6-4), em 2h13 de partida. 


O ex-número 1 do mundo e bronze na Rio 2016 fez dois winner a menos que o adversário 46 a 44), mas cometeu menos erros não-forçados ao longo do jogo (36 a 21), o que foi fundamental para sua conquista. 


Gerard dominou os pontos em subidas à rede (55%) e aproveitou mais break points que o adversário, para conquistar o tão sonhado título. 


Foto: Reprodução/Twitter Australian Open 


Nenhum comentário:

Postar um comentário