Campeonato Mundial de Esgrima em Cadeira de Rodas é adiado para 2022 - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio

Campeonato Mundial de Esgrima em Cadeira de Rodas é adiado para 2022

Compartilhe

A Federação Internacional de Esportes em Cadeira de Rodas e Amputados (IWAS) transferiu o Campeonato Mundial de Esgrima em Cadeira de Rodas de 2021 para 2022, na tentativa de abrir espaço para a realização dos eventos adiados pela pandemia do coronavírus no próximo ano.

Uma dessas competições afetadas pela pandemia é os Jogos Paralímpicos de Tóquio, que acontecerão entre 24 de agosto e 5 de setembro do ano que vem. As competições qualificatórias ao megaevento também se incluem nessa lista.

O prazo de qualificação paralímpica da esgrima em cadeira de rodas terminará em 31 de maio de 2021. Com 96 vagas a serem definidas, a IWAS já está se movimentando para reprogramar os eventos pré-paralímpicos, que incluem os Campeonatos Europeu, Asiáticos e das Américas, além de uma etapa da Copa do Mundo (estes dois últimos aconteceriam em São Paulo).

Apenas o cronograma do Campeonato Asiático foi definido, e acontecerá junto aos Jogos Mundiais da IWAS, entre 10 e 17 de dezembro deste ano, na Tailândia. Segundo a federação, os detalhes das outras competições, com datas e locais, serão divulgados em breve.

"Acreditamos que esta solução é o melhor resultado possível para os atletas, equipes e esgrima em cadeira de rodas em geral", disse o presidente da IWAS, Rudi van den Abbeele.

"Agora, os esgrimistas terão a chance de competir em campeonatos regionais antes das Paraolimpíadas de 2021, completando a mesma série de eventos que teriam realizado se os Jogos tivessem ocorrido este ano", completou.

Vale lembrar que o Mundial de Atletismo Paralímpico, que aconteceria em 2021, também foi modificado para 2022 em decorrência do adiamento dos Jogos de Tóquio. Outras competições olímpicas foram alteradas, como Mundial de Atletismo, Eurocopa feminina e Mundial de Vôlei de Praia.

Foto Augusto Bizzi/IPC

Nenhum comentário:

Postar um comentário