Dominicanas tiram invencibilidade da Turquia e ajudam Brasil na VNL; veja os destaques desta segunda-feira - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Dominicanas tiram invencibilidade da Turquia e ajudam Brasil na VNL; veja os destaques desta segunda-feira

Compartilhe

 

Comandada pelo técnico brasileiro Marcos Kwiek, a seleção da República Dominicana acabou ajudando indiretamente o Brasil na 8ª rodada da Liga das Nações Feminina de Vôlei (VNL). Nesta segunda-feira (07), as dominicanas venceram a Turquia por 3 sets a 1 (25-22, 25-21, 23-25 e 25-17) e tiraram a invencibilidade das adversárias, que vinham de sete triunfos em sete jogos.

Com a vitória do país caribenho, o Brasil - que bateu a Bélgica por 3 sets a 0 - ultrapassou as turcas e assumiu a vice-liderança da competição, com sete vitórias em oito jogos. A Turquia tem o mesmo retrospecto, mas perde no número de pontos: 19 contra 21 das brasileiras.

O grande nome da República Dominicana na partida foi uma velha conhecida do voleibol brasileiro. A ponteira Yonkayra Peña Isabel, que atuou pelo Sesc-RJ na Superliga entre 2017 e 2019, anotou 20 pontos e liderou sua seleção nessa estatística. Já as irmãs Brayelin e Jineiry Martínez, que defendem o Dentil/Praia Clube, contribuíram com 16 e 10 pontos, respectivamente. Do lado turco, a ponteira Tugba Senoglu anotou 13 pontos e foi a melhor pontuadora de sua equipe no duelo.

Peña tem passagem pelo voleibol brasileiro e foi treinada por Bernardinho (Foto: Reprodução/FIVB)

A líder da competição continua sendo a seleção dos Estados Unidos. Ainda com 100% de aproveitamento, as norte-americanas venceram a Coreia do Sul por 3 sets a 0 (25-16, 25-12 e 25-15). Porém, a grande notícia do voleibol estadunidense foi a convocação das 12 atletas que representarão o país nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A lista foi anunciada nesta segunda-feira, com a Liga das Nações ainda em andamento.

Surte +: Estados Unidos anuncia convocadas para seleção olímpica de vôlei feminino; VEJA LISTA

Quem fecha o G-4 da VNL é a seleção dos Países Baixos. O time neerlandês teve dificuldades, mas venceu a Polônia em cinco sets (21-25, 25-23, 22-25, 25-21 e 15-9). Vale lembrar que os quatro primeiros colocados ao final das 15 rodadas avançam para as semifinais, que também serão disputadas na bolha em Rimini, na Itália.

Outros quatro jogos completaram a rodada desta segunda-feira. A Rússia venceu a Tailândia por 3 sets a 1 (25-14, 18-25, 25-14 e 25-20); o Japão bateu o Canadá por 3 sets a 0 (25-16, 25-15 e 25-15); a Sérvia venceu a China por 3 a 1 (25-22, 25-18, 19-25 e 25-22); e a Itália superou a Alemanha por 3 a 0 (25-21, 25-19 e 25-11). As 16 seleções voltam à quadra nesta terça-feira para o encerramento da terceira semana de competições.

Confira a programação da 9ª rodada nesta terça-feira (horário de Brasília):

05h - Tailândia x República Dominicana

07h - Turquia x Rússia

08h - Canadá x Países Baixos

10h - Japão x Polônia

11h - China x Brasil

13h - Alemanha x Coreia do Sul

14h30 - Bélgica x Sérvia

16h - Itália x Estados Unidos

Foto de capa: Reprodução/FIVB

Nenhum comentário:

Postar um comentário