Marcus D'Almeida e Bernardo Oliveira faturam prata e bronze para o Brasil no Pan-Americano de Tiro com Arco - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Marcus D'Almeida e Bernardo Oliveira faturam prata e bronze para o Brasil no Pan-Americano de Tiro com Arco

Compartilhe
Marcus D'Almeida após avançar na classificatória

Terminou com mais medalha no peito a atuação da seleção brasileira de tiro com arco no Campeonato Pan-Americano de Tiro com Arco, realizado em Monterrey, no México. No recurvo masculino, Marcus D'Almeida ficou com a prata, enquanto Bernardo Oliveira terminou com o bronze em confrontos realizados neste domingo (28).


As medalhas de hoje selam a boa competição dos brasileiros. Na quarta, Marcus e Ane Marcelle haviam levado o ouro na equipe mista, enquanto a equipe masculina e feminina levaram ouro e bronze, respectivamente, na última quinta-feira. Já neste sábado, em torneio Pré-Olímpico disputado simultaneamente com o Pan-Americano, Ane Marcelle dos Santos levou o ouro e classificou o Brasil para Tóquio-2020.


Na campanha de prata do D'Almeida, o classificado olímpico passou por atletas da Guatemala, Colômbia e Ilhas Virgens, até chegar à semifinal do torneio para enfrentar o chileno Ricardo Andrés Soto Pedraza neste domingo. 


Já o Bernardo fez uma campanha vencendo atletas de Porto Rico, México e o chileno Andres Aguilar - cabeça de chave número 2 na classificatória - para chegar à semi contra Santiago Arcila, da Colômbia.


Veja como foi o confronto dos brasileiros

Com um dez logo na primeira flecha e mais dois noves, Marcus venceu o primeiro set diante do chileno Soto, abrindo 2-0 (28/25) na parcial. O segundo set já foi melhor para o Chile, que empatou em 2-2 com 28/26 no set. O chileno voltou a fazer boas marcas no terceiro, enquanto Marcus teve dificuldades com o vento e levou a virada em 4-2 (26/25). O brasileiro precisava do resultado para empatar o confronto e acertou duas vezes a marca no 10 em sequência, vencendo a parcial em 29/25 e deixando tudo igual 4-4.


A vitória de D'Almeida na semifinal só veio após a checagem da arbitragem na última flecha do brasileiro. A dúvida entre o oito e o nove decidiria a partida. Se fosse no oito, empate em 27/27 e 5-5 no jogo. Mas os árbitros, com uma lupa, confirmaram a flecha no nove e a vitória do brasileiro em 28/26 e 6-4 no placar.


A outra semifinal teve o Bernardo Oliveira enfrentando Santiago Arcila, da Colômbia. O brasileiro iniciou bem, marcando um dez e vencendo o primeiro set em 27/25. Mas não manteve a boa atuação,  cedendo o empate em vitória do colombiano por 27/24 no segundo set, antes de levar a virada em 26/25 (4-2). Já com vantagem, Santiago marcou dois dez e um seis, para garantir a vitória em 26/25 no quarto set, fechar o jogo em 6-2 e chegar na final do campeonato.


Mas na disputa de bronze o Bernardo se redimiu e garantiu o bronze ao derrotar o chileno Ricardo Soto por 6-2 (26/26, 27/24, 25/25 e 28/25). Soto foi o algoz do próprio Bernardo na segunda rodada dos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016.


Na final, Marcus D'Almeida foi derrotado pelo inspirado Santiago Arcila por 6-2. No primeiro set o brasileiro perdeu por 26/24, mas logo marcou dois dez e fechou em 29/26 o segundo set. A virada veio com mais uma vez acertando o alvo por duas vezes na marca dez, finalizando a parcial em 29/27.  E quando parecia que Marcus venceria a final, foi a vez do colombiano empatar em 4-4 após 28/26. Sob pressão, D'Almeida não manteve a concentração, teve dois setes, e perdeu o jogo em 6-4, saindo com a prata.


México vence no feminino

No feminino deu México. A jovem Valentina Vazquez, de apenas 17 anos, foi a grande campeã após bater Maira Sepulveda, da Colômbia, por 6 a 0 na final. Valentina é atual campeã do Pan-Americano sub-18 e agora, campeã Pan-Americana no adulto. Além disso, a jovem arqueira bateu na trave pela medalha nos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires. 



Ana Vazquez, também do México, completou o pódio ao vencer por 6-5 (10 - 8) a arqueira Valentina Contreras (COL).


Foto em destaque: Divulgação/World Archery

Nenhum comentário:

Postar um comentário