Thiago Braz salta 5,70m e conquista prata no Aberto Indoor da Sérvia; Duplantis vence com 6,10m - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Thiago Braz salta 5,70m e conquista prata no Aberto Indoor da Sérvia; Duplantis vence com 6,10m

Compartilhe

 


Thiago Braz conquistou nesta quarta-feira (24) sua segunda medalha no circuito indoor de atletismo da temporada. Empatado com o polonês Piotr Lisek, o brasileiro ficou com a prata no salto com vara do Aberto da Sérvia, em Belgrado, após um registro válido de 5,70m e três tentativas falhas para 5,80m. O vencedor foi o sueco Armand Duplantis, com 6,10m.


Atual campeão olímpico, Braz fez sua segunda melhor marca da temporada, ficando atrás somente dos 5,80m registrados há 12 dias, na Orlen Cup, em Lodz, na Polônia. Foi na ocasião, aliás, que ele subiu ao pódio pela primeira vez no ano, ao terminar em terceiro lugar. Além destas duas, o brasileiro esteve presente em outras duas competições nesta temporada, registrando 5,60m em ambas: ficou em quinto em Liévin (FRA) e quarto em Torun (POL)


Em Belgrado, nesta quarta, Thiago teve adversários de peso ao seu lado, com dois medalhistas no último Campeonato Mundial. Piotr Lisek, bronze em Doha-2019, ficou empatado com o brasileiro, a 5,70m, enquanto Armand Duplantis, vice-campeão mundial, sobrou na competição e foi líder absoluto, vencendo com 40 centímetros de margem sobre seus rivais. 


Aos 21 anos, Duplantis é o atual recordista mundial do salto com vara, com 6,18m. Depois de já ter vencido a prova nesta quarta, ele subiu o sarrafo para 6,19m, na tentativa de desbancar sua própria marca, mas falhou duas vezes e desistiu na terceira. Ainda assim, os 6,10m o deixaram com o melhor registro da temporada - Thiago Braz é o nono nessa lista, considerando uma marca por atleta. 

 

Esta foi a quarta aparição do sueco na temporada, sendo a terceira vez que ultrapassou a marca dos seis metros. Ele também já saltou para 6,01m e para 6,03m nos últimos 30 dias. O jovem não perde uma competição desde outubro de 2019, quando foi desbancado por Sam Kendricks no Mundial de Doha. Em competições indoor, seu poderio é ainda maior: são 14 vitórias seguidas desde janeiro de 2019. Sua próxima competição será o Campeonato Europeu Indoor, no início do próximo mês.


Surte +: Após quase 27 anos, Grant Holloway quebra o recorde mundial indoor dos 60m com barreiras 


Foto de capa: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário