Beatriz Haddad Maia aplica bicicleta e avança à final do ITF W25+ de Figueira da Foz - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Beatriz Haddad Maia aplica bicicleta e avança à final do ITF W25+ de Figueira da Foz

Compartilhe
Beatriz Haddad Maia tênis brasil

Depois de sofrer por quase três horas em sua partida de quartas no ITF W25+ de Figueira da Foz, Beatriz Haddad Maia teve a semifinal dos sonhos neste sábado (12). Ela aplicou um sonoro 6-0 6-0 diante da espanhola Andrea Lazaro Garcia, 318ª melhor do mundo e cabeça 8 do torneio, e se garantiu na final da competição.

Apesar do placar elástico, Bia Haddad teve que salvar seis break points diante da rival. A vitória larga veio em grande medida pelo fraco desempenho no saque da espanhola, que não alcançou nenhum game point em toda partida. De seus 23 pontos, 16 foram recebendo. Bia, ao contrário, marcou 54 pontos, 30 em seu saque e 24 no da rival. 

Fruto de alguns games muito disputados no saque da brasileira, o jogo durou uma hora e 18 minutos, De qualquer maneira, foi um alívio para Bia que já havia passado quase 11 horas e meia em quadra entre terça e sexta-feira.


A decisão será na manhã deste domingo, diante da também espanhola Georgina García-Pérez (273ª), que surpreendeu a dinamarquesa Clara Tauson, cabeça 1 e top-200 aos 17 anos, por 2 sets a 1, parciais de 6-4, 6-7(5), 6-2, após 2h57 de jogo na primeira semifinal.

Atual 1342ª do mundo,  Haddad Maia aparecerá em 611ª na segunda-feira, quando os pontos do título de Montemor-O-Novo forem contabilizados. Com a campanha em Figueira da Foz, ela estará entre as 470 melhores do mundo no ranking de 21 de setembro e o título a deixará aproximadamente em 410º lugar.

A brasileira volta a quadra ainda na tarde deste sábado depois de um descanso regulamentar para a final de duplas. Ela e Ingrid Gamarra Martins enfrentam a sueca Jacqueline Cabaj Awad e a portuguesa Ines Murta.

O jogo
Bia dominou completamente o primeiro set diante da 318ª melhor do mundo,  aplicando um pneu em 28 minutos. O único momento de perigo esteve no terceiro game quando precisou salvar um 15-40. Aparte disso, em nenhum momento a espanhola fez mais de dois pontos em um mesmo game.

O segundo set começou com pinta de que o jogo seria mais equilibrado  Lázaro García obteve dois break point logo no primeiro game, que chegou a quatro deuces antes e Bia finalmente confirmar. A única outra chance que a espanhola teve em ganhar um ponto foi no terceiro game quando fez 15-40 no saque de Bia. 

Bia aproveitou o segundo match-point para quebrar pela sexta vez a rival e levar a partida sem perder qualquer game. Especialmente pelo primeiro e terceiro game, o segundo set durou 48 minutos, enquanto o primeiro teve 28 minutos de duração.

Foto: Reprodução / Facebook Bia Haddad Maia

Nenhum comentário:

Postar um comentário