Últimas Notícias

Dia sem medalhas fecha participação do Brasil no Mundial sub-18 de judô

Clarice foi campeã mundial Sub-18 de Judô em Zagreb. - Foto: Emanuele Di Feliciantonio/IJF - cbj.com.br

 

Neste sábado (26), o Brasil voltou aos tatames do Campeonato Mundial Sub-18 de Judô, em Zagreb, na Croácia, no entanto se despediu da competição sem conquistar novas medalhas. A delegação brasileira encerra a participação na competição individual com duas medalhas, sendo um ouro de Clarice Ribeiro e uma prata de Sophia Câmara. O Brasil ainda compete amanhã (27) na disputa por equipes.

 

No masculino, os representantes brasileiros foram Alexandre Albano, na categoria até 90kg, e Luis Antônio Oliveira, na categoria acima de 90kg, ambos superados na luta de estreia. Alexandre foi derrotado pelo sérvio Nikola Cirovic, enquanto Luis foi vencido pelo francês Kris Oliver Djiekam.

 

No feminino, o Brasil foi representado por Dandara Camilo e Ana Soares, ambas atletas na categoria acima de 70kg. As judocas brasileiras perderam em suas primeiras lutas, sendo Dandara superada por Zuzanna Banaszewska, da Polônia, e Ana derrotada por Marie Kosnarova, da República Tcheca.

 

O Brasil encerra a sua participação no Mundial Sub-18 com a medalha de ouro de Clarice Ribeiro, na categoria até 44kg (veja como foi), e a medalha de prata de Sophia Câmara, na categoria até 63kg (veja como foi). A equipe brasileira retorna aos tatames de Zagreb neste domingo, para a competição por equipes.

 

As preliminares e o bloco final terão transmissão ao vivo da Judo TV.


0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar