Últimas Notícias

Hugo Calderano vence batalha contra Peng Xiang e se classifica para mais uma final de WTT Contender

Hugo Calderano após rebatida na bola. (Foto: Divulgação/WTT)


Hugo Calderano confirmou nesta sexta (20) a sua grande fase neste início de temporada 2023 e se garantiu na segunda final de WTT Contender consecutiva. Ele venceu o chinês Peng Xiang por 3 a 2 (11/9, 13/15, 9/11, 12/10 e 11/9) e enfrentará o sul-coreano Woojing Jang na final.

O coreano é o número 18 do mundo e eliminou o chinês Lin Shindong por 3 a 0 (11/8, 11/4 e 11/7). A final será neste sábado e está marcada para às 08h40 com transmissão do Star+.

O primeiro set foi de certa forma, tranquilo para Hugo, que conseguiu marcar três pontos seguidos em duas ocasiões e fechar a parcial em 11 a 9. O brasileiro número seis do mundo estava se encaminhando para fazer o mesmo no game seguinte, mas deixou o adversário encostar e levou a virada, perdendo a parcial por 15 a 13.

No terceiro game, Hugo começou mal, levando 7 a 1, mas reagiu e empilhando pontos encostou em 8 a 7. Porém, Xiang conseguiu segurar o ímpeto do brasileiro e venceu a parcial 11 a 9. Já no game seguinte, o chinês chegou a ter 10 a 8 e dois match points favoráveis, mas levou a virada e Hugo venceu a parcial por 12 a 10, levando o jogo para o desempate.

O brasileiro começou melhor o tie-break e devolveu o 7 a 1 do terceiro game. Assim como na outra parcial, houve reação e Xiang diminuiu para 8 a 6, levando Hugo a pedir tempo. A estratégia deu certo e ele fechou o jogo levando o desempate por 11 a 9.

0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar