Por falta de recursos financeiros, seleção feminina não disputará Mundial de Polo Aquático Júnior

Foto: Divulgação/CBDA

Mesmo classificada, a seleção brasileira feminina júnior de Polo Aquático não vai participar da quinta edição do Mundial Júnior que será realizada, entre os dias 31 de julho a 8 de agosto, em Belgrado, Sérvia

De acordo com a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos, em maio deste ano, as seleções de ambos os naipes foram convocadas para a fase de treinamentos e lá informadas de que a CBDA não tinha recursos disponíveis para enviá-las às competições.

Ficou decidido que clubes e atletas precisariam arcar com alguns custos da viagem, o que não foi possível para a equipe feminina.  A equipe foi medalhista de bronze, este mês, no Pan-Americano Júnior, disputado nos Estados Unidos.

Esta seria a quarta participação do time feminino que tem como melhor campanha a 8ª colocação no Mundial Júnior de Perth, na Austrália, em 2012. Na ocasião, as atletas brasileiras conquistaram duas vitórias e um empate, caindo para a Grécia, que viria a ser campeão do torneio, nas quartas-de-final.

Situação diferente no masculino

No masculino, os atletas e clubes buscaram recursos extras durante os últimos meses e garantiram sua participação no Mundial Júnior que também será em Belgrado, entre os dias 11 e 19 de agosto. 

Vale lembrar que a seleção principal também se retirou da fase final da Liga Mundial de Polo Aquático, realizada na França, devido à falta de recursos. Neste caso, a CBDA informou que a participação brasileira no torneio já não era prevista desde o início da temporada, pois o foco da seleção seria a participação do Mundial de Esportes Aquáticos de Budapeste.

Mundial Junior de Belgrado

Nesta edição, 16 equipes participam do Mundial Júnior feminino em Belgrado, divididas em quatro grupos. Inicialmente o Brasil, incialmente, estaria no grupo A:

Grupo A: Itália, Cazaquistão, Hungria e Turquia

Grupo B: Grécia, Uzbequistão, Japão e Estados Unidos

Grupo C: Austrália, África do Sul, Canadá e Países Baixos

Grupo D: Espanha, Sérvia, Croácia e Nova Zelândia

No histórico da competição, Grécia, Estados Unidos, Rússia e Espanha possuem um título cada. A última final, em 2018, reuniu Espanha e Itália em um jogo muito disputado, com vitória das espanholas, de virada, por 8 a 7.


Postar um comentário

To Top