Suécia é campeã do Mundial de Curling masculino pela 11ª vez


A Suécia conquistou no domingo (10), em Las Vegas (USA) o título do Mundial de Curling masculino pela 11ª vez.

Após um começo muito ruim, esse foi o quarto título em sequência dos suecos no Mundial, o sexto da equipe comandada por Niklas Edin, que mostra a superioridade do time que é a atual campeão olímpica.

O domingo em Vegas começou com a decisão do bronze entre Itália e EUA. Os italianos já abriram com 4-0 no 1º end, mas os estadunidenses encostaram após 3 ends, com 4-3 Itália. Os europeus abriram 7-3 após cinco ends, e os EUA pontuaram no sexto, fazendo 7-4.

No sétimo end, a Itália anotou seis pontos, selando praticamente o destino do jogo e após o end 8 zerado, os EUA concederam a derrota, e os italianos, que contaram com o campeão olímpico das duplas mistas Amos Mosaner como third, ganharam por 13-4 e faturaram o inédito bronze para o curling do país.

Na final, o jogo foi bastante equilibrado. O time de Brad Gushue abriu 3-0 após dois ends, mas a Suécia se recuperou e empatou o jogo no quarto end. A equipe de Edin assumiu a ponta no sexto end, marcando dois pontos e fazendo 5-4.

Nos três ends seguintes, as equipes trocaram pontos e chegaram ao último end empatadas em 6-6. Com o martelo, a Suécia marcou dois pontos e fechou o placar em 8-6, confirmando o status de dominadora do esporte entre os homens.

Foto: WCF


Postar um comentário

To Top