Após participar de Tóquio 2020 e do WTT Star Contender, Vitor Ishiy estreia pela Liga Francesa na quarta-feira - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Após participar de Tóquio 2020 e do WTT Star Contender, Vitor Ishiy estreia pela Liga Francesa na quarta-feira

Compartilhe

O brasileiro Vitor Ishiy terá uma quarta-feira (6) de estreia. Após ter participado de grandes eventos, como os Jogos Olímpicos, no Japão, e o WTT Star Contender, no Catar, o atleta vai fazer a sua primeira exibição pelo seu time, o C’Chartres, na temporada 2021/2022 da Liga Francesa – Pro A. O primeiro jogo da equipe vai acontecer contra o Les Loups D’Angers, às 14h30 (horário de Brasília).

Além do brasileiro, o C’Chartres tem como integrantes o belga Florent Lambiet, o húngaro Bence Majoros e os recém-chegados à equipe, Minhyeok Kim, da Coreia do Sul, e Abdel-Kader Salifoum da França. Na temporada passada, o time estava na Pro B, segunda divisão francesa, conquistada pela equipe. Diante disso, Ishiy comemorou a volta à elite da Liga Francesa e analisou o primeiro desafio que terão na Pro A.

“Estamos animados de estar de volta à Pro A, conseguimos subir apesar de todas as dificuldades, então jogar na primeira divisão tem um valor ainda maior. Desde domingo (3), a equipe se reuniu para treinar uns dias juntos. Temos uma estreia dura contra a atual campeã da Liga Francesa”, disse o brasileiro.

O adversário da primeira rodada realmente vem vivendo um grande momento. Atual campeão francês, o D’Angers também chegou às semifinais da Liga dos Campeões em 2019. A equipe é formada pelos atletas Jon Persson, da Suécia; João Geraldo, de Portugal; Hampus Nordberg, da Suécia; e Bartien Rembert, da França.

Vitor Ishiy é o atual número 63 do ranking mundial e vai para a disputa da Pro A com a participação em duas grandes competições recentes na bagagem. Nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em julho e agosto deste ano, o mesa-tenista do Brasil compôs a Seleção Brasileira no torneio por equipes (em que o país chegou às quartas de final da competição, melhor resultado da História).

O outro grande campeonato que Ishiy participou foi no Circuito Mundial de Tênis de Mesa, o WTT Star Contender, em Doha, no Catar, em setembro. No individual, ele parou na fase de 64 diante do francês Can Akkuzu, enquanto nas duplas mistas, ao lado de Bruna Takahashi, ele chegou às quartas de final, mas acabou se despedindo frente aos sul-coreanos Jang Woojin e Jeon Jihee (parceria que terminaria com a prata). Ele ainda foi para o pleito das duplas masculinas, com o brasileiro Eric Jouti, mas não alcançaram a fase principal da competição.

Foto: Gaspar Nobrega/COB

Nenhum comentário:

Postar um comentário