Aos 19 anos, Murilo Garrigós é campeão brasileiro de esgrima em final eletrizante do sabre - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Aos 19 anos, Murilo Garrigós é campeão brasileiro de esgrima em final eletrizante do sabre

Compartilhe
Da esquerda para a direita: Enrico Pezzi (prata), Murilo Garrigós (ouro), Henrique Garrigós (bronze) e Bruno Pekelman (bronze).

A fase de Murilo Garrigós é nada menos do que espetacular. O atleta do Club Athletico Paulistano-SP, de apenas 19 anos, venceu o título brasileiro sub-20 em setembro, e nesta sexta-feira (8), ele repetiu o feito no torneio de sabre, só que agora no Campeonato Brasileiro Adulto, que está sendo realizado em Porto Alegre (RS). Para conseguir sair com o ouro, o jovem esgrimista derrotou favoritos na competição, como Henrique Garrigós (do Club Athletico Paulistano-SP) e Enrico Pezzi (Esporte Clube Pinheiros-SP), seu adversário na decisão.


Na pule, Garrigós fez uma campanha quase perfeita. Ele venceu quatro jogos e sofreu somente um revés, que foi o único durante toda a sua campanha. O atleta passou por: Lorenzo Chierighini, por 5 a 3, e Fernando Fachini, por 5 a 2, seus companheiros de equipe; Fellipe Bento (Clube Militar da Lagoa-RJ), por 5 a 1; e Thiago Onias (Comissão de Desportos do Exército-RJ), por 5 a 0. A derrota sofrida aconteceu contra Bruno Pekelman, do Esporte Clube Pinheiros e líder do ranking nacional, por 5 a 3.


Na fase principal, o campeão derrotou Marcos Alexandre (Comissão de Desportos do Exército-RJ), por 15 a 10, nas oitavas de final. A vítima das quartas de final foi Matheus Becker (Esporte Clube Pinheiros), que foi batido por 15 a 12. O placar foi um repeteco exato da final do brasileiro sub-20 há três semanas.


Seu duelo contra favoritos começou com um jogo familiar pelas semifinais


Murilo enfrentou o irmão mais velho e companheiro de equipe, Henrique Garrigós, em que o mais novo foi superior à pista e fechou o embate em 15 a 11. Na decisão, o jovem teve de passar por Enrico Pezzi, que estava brigando pela liderança do ranking nacional no sabre. Em um dos confrontos mais equilibrados do campeonato, Murilo Garrigós estava perdendo a final para o adversário, mas conseguiu se recuperar e vencer por 15 a 14. 


A decisão veio com muita emoção. Os dois jogadores conseguiram o toque e a princípio o árbitro tinha dado o ponto do torneio para Pezzi. Depois de uma longa revisão no vídeo, a decisão foi em favor de Garrigós que pode comemorar bastante com os amigos e colegas de clube que o lançaram ao ar.

 

Não estava nos planos ser campeão adulto aos 19 anos, estou muito feliz com isso. Agora, eu estou vivendo uma boa fase, consegui a vitória no Juvenil e agora aqui consegui pegar a medalha.


Garrigós ainda comentou sobre o jogo da final, em que chegou a estar perdendo por larga vantagem, mas conseguiu empatar em 13 a 13. Ele explicou o que foi preciso para a reação: “É sempre se manter focado e, como os mestres falam, é preciso deixar a emoção de lado”.


Murilo Garrigós é um dos brasileiros convocados para os Jogos Pan-Americanos Juvenis, cuja edição inaugural acontecerá em Cali, na Colômbia a partir de 25 de novembro.


Finalistas do torneio de florete por equipes feminino

A sexta-feira ainda teve a definição da final na disputa do florete por equipes feminino. Rio Grande do Sul 1 (Daphne Becker, Ana Toldo e Mariana Pistoia) e São Paulo 1 (Bia Bulcão, Carolina Brecheret, Gabriella Vianna e Deise Falci) farão a grande decisão, que está marcada para acontecer neste sábado (8). A equipe gaúcha chegou à decisão ao bater São Paulo 2 (Gabriela Magini, Mariana Hauschild, Stella Frias e Laura Papaiano) por 45 a 23 nas semifinais, enquanto o time paulista nº 1 derrotou o Rio Grande do Sul 2 (Giovana Bonetti, Milena Chies e Talia Calazans) por 45 a 30.


Foto: Rosele Sanchotene / Confederação Brasileira de Esgrima (CBE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário