Zverev vence jogão contra Tsitsipas e vai à final no Masters 1000 de Cincinnati - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Zverev vence jogão contra Tsitsipas e vai à final no Masters 1000 de Cincinnati

Compartilhe

Alexander Zverev garantiu sua vaga na final do Masters 1000 de Cincinnati. Para isso, ele precisou bater o grego Stefanos Tsitsipas em grande partida de tênis neste sábado (21). A vitória do alemão, atual campeão olímpico, foi alcançada em 2h41 de jogo, pelo placar de 2 sets a 1, com parciais de 6-4, 3-6 e 7-6. Na decisão pelo título, Zverev encara o russo Andrey Rublev.

Essa foi a nona partida entre Zverev e Tsitsipas. Com a vitória de hoje, o alemão reduziu a vantagem aberta pelo grego no confronto direto, que agora lidera o por 6 a 3. Zverev não vencia uma partida contra Tsitsipas desde março, na decisão do título do ATP 500 de Acapulco, no México.

Zverev batalha contra Rublev neste domingo, valendo seu segundo título de Masters 1000 em 2021. O alemão ficou com o troféu de campeão em Madri, em quadras de saibro. Já o russo tentará seu maior título na carreira.

O jogo

Os tenistas encontraram um pouco de dificuldade em seus respectivos games de serviço, o que não impediu as confirmações de saque. Mas no desenrolar do primeiro set, Tsitsipas seguiu com problemas, enquanto Zverev aproveitou a chance que teve no quinto game e quebrou o serviço do grego.

Cometendo poucos erros (oito contra 12 do adversário), Zverev dominou a parcial, sem enfrentar maiores problemas. O alemão venceu 81% dos pontos jogados com o primeiro saque, mostrando maior agressividade no jogo, para fechar o set em 6-4.

Um detalhe curioso entre o primeiro e segundo set, foi a demora de Tsitsipas no vestiário. Zverev fez reclamações com o árbitro da partida, que chegou a ir atrás do grego, quando a marca de oito minutos fora de quadra foi atingida. Ao voltar, o tenista foi veementemente vaiado pelo público.

Irritado com o atraso de Tsitsipas, Zverev não entrou no segundo set para brincar. Logo de cara conquistou uma quebra de serviço e no game seguinte salvou break points para abrir 2-0 no placar. Mas na sequência, após alguns erros do adversário, o grego aproveitou a brecha dada pelo alemão e empatou o set em 2-2.

Mais sólido, foi a vez de Tsitsipas dominar o jogo. Foi mais agressivo, venceu 67% dos pontos com o primeiro saque e jogou melhor que o adversário. Com nova quebra de saque, no sexto game, o tenista grego tomou a liderança no placar, para depois fechar a parcial por 6-3 e forçar a disputa do terceiro set.

No terceiro set, Tsitsipas manteve o alto nível e efetuou duas quebras de serviço seguidas, abrindo 4-1. Mas no sexto game, Zverev venceu um rally incrível, com break point a favor, para fechar o ponto na esquerda paralela, para devolver uma das quebras de saque.

Depois de confirmar seu saque e reduzir ainda mais a vantagem do adversário, Zverev recebeu atendimento médico, após alegar uma grande queda de energia ao se sentir mal nos games anteriores (quando até mesmo vomitou). A partir disso o tenista alemão se recuperou, pressionou Tsitsipas (que sacava para o jogo) no décimo game e após uma dupla-falta, devolveu mais uma quebra de serviço, empatando o set em 5-5. 

Com mais duas confirmações de serviço, o terceiro set foi ao tiebreak. Zverev foi mais efetivo no desempate, principalmente após o 3 a 3, marcando seis pontos seguidos, e fechou o set ao anotar 7 a 4 no placar, dando número finais a partida. 

Foto: Reprodução/Twitter ATP Tour

Nenhum comentário:

Postar um comentário