Cátia Oliveira avança à semifinal do tênis de mesa paralímpico e garante medalha - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Cátia Oliveira avança à semifinal do tênis de mesa paralímpico e garante medalha

Compartilhe
Cátia Oliveira, na cadeira de rodas, está com a raquete na mão e espera o ataque da adversária próxima à mesa

Cátia Oliveira se classificou para a semifinal do torneio paralímpico das classes 1-2 do tênis de mesa em Tóquio 2020. Ela derrotou nesta sexta-feira (27) a italiana Giada Rossi por 3 sets a 0 (11-8, 11-9 e 11-6) e enfrentará na próxima fase a sul-coreana Seo Su Yeon, já na noite desta sexta, em horário a ser definido. A brasileira já tem, no mínimo, um bronze assegurado, pois não há disputa de terceiro lugar na modalidade.

Vindo de uma vitória e uma derrota na fase de grupos, Cátia encontrou dificuldade no início de seu duelo nas quartas de final, mas logo impôs seu ritmo e deslanchou para vencer em sets diretos. A brasileira chegou a estar perdendo por três pontos na primeira parcial, mas conseguiu a virada. Já nos sets seguintes, teve o domínio desde o início.

Outros resultados

Outros sete mesa-tenistas brasileiros entraram em ação na noite/madrugada desta sexta-feira (27), em Tóquio. Foram três vitórias e quatro derrotas ao todo, com destaques para Paulo Salmin e Israel Stroh, ambos da classe 7, que conseguiram classificar-se para o mata-mata. Danielle Rauen (F9), Lethicia Lacerda (F8), Joyce de Oliveira (F4), David Freitas (M3) e Carlos Carbinatti (M10) perderam.

Salmin conseguiu uma vitória espetacular sobre o croata Pavao Jozic para se classificar para o mata-mata da classe 7. Ele perdeu os dois primeiros sets, mas reagiu muito bem e fechou o duelo em 3 a 2 (8-11, 9-11, 11-6, 13-11 e 11-3), chegando a salvar match point. O brasileiro volta à mesa na madrugada desta sexta-feira (27), por volta das 05h20, para enfrentar o alemão Bjoern Schnake.

Também na classe 7 masculina, Stroh não tomou conhecimento do australiano Jake Ballestrino e venceu por 3 a 0 (11-5, 11-3 e 11-6). Ele encerrou a primeira fase com três vitórias e vai entrar no mata-mata diretamente nas quartas de final, jogando a partir das 09h20 desta sexta-feira (no horário de Brasília).

Israel Stroh está de camisa azul e saca com a raquete na mão e a bolinha no ar
Israel Stroh tem três vitórias em três jogos (Foto: Fabio Chey/CPB)
Já Dani Rauen (classe 9) precisava da vitória para avançar de fase, mas não conseguiu se impor sobre a chinesa Xiong Guiyan e foi derrotada em 3 sets a 0 (11-5, 11-4 e 11-4), sendo eliminada. Outra que se despediu da competição foi Lethicia Lacerda, na classe 8. Ela perdeu para a também chinesa Huang Wenjuan por 3 sets a 1 (11-6, 8-11, 11-1 e 11-7).

Joyce de Oliveira, fazendo sua estreia no mata-mata, perdeu para a indiana Bhavinaben Patel por 3 sets a 0 (12-10, 13-11 e 11-6) e acabou eliminada nas oitavas de final da classe 4. O mesmo com David Freitas, na classe 3 masculina. Já nas quartas de final, ele perdeu para o francês Florian Merrien com parciais de 11-6, 11-8 e 11-1).

Encerrando a primeira sessão do dia, Carlos Carbinatti perdeu para o austríaco Krisztian Gardos de virada, por 3 sets a 1 (11-6, 9-11, 5-11, 9-11), e deu adeus à competição da classe 10.

Com tantas eliminações, restam apenas cinco brasileiros na disputa individual em Tóquio. Além de Stroh, Salmin e Cátia Oliveira, Bruna Alexandre (classe 10) e Millena Santos (classe 7) seguem vivas. Elas estão na fase de grupos e jogam na manhã brasileira desta sexta.

Foto de capa: Wander Roberto/CPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário