Brasil perde no fim para Argentina e é eliminado da Copa América de basquete feminino sub-16 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Brasil perde no fim para Argentina e é eliminado da Copa América de basquete feminino sub-16

Compartilhe


Em um jogo decidido nos detalhes nos segundos finais, o Brasil perdeu para Argentina por 56 a 54 nas quartas de final da Copa América de basquete feminino sub-16, que está sendo disputado em Guanajuato (MEX). Além de dar adeus ao torneio continental, o país também está fora do Mundial sub-17 de 2022, já que apenas os semifinalistas se classificaram.


Foi um jogo nervoso, com muitos erros e viradas, em que qualquer equipe poderia ter vencido. No primeiro quarto, o Brasil dominou e ficou na frente; já no segundo período, a Argentina reagiu, dominou durante os 10 minutos e virou o jogo. No terceiro quarto, nova reação do Brasil, que empatou o jogo.


E o último quarto merece parágrafos à parte: o nervosismo tomou conta das meninas dos dois times, que com muitos erros de arremessos, mostrava que quem conseguisse manter a cabeça no lugar e trabalhar melhor a bola venceria o jogo. Parecia que a Argentina seria a vencedora até de forma fácil, abrindo seis pontos a menos de 2 minutos do fim.


Sem muitas alternativas, o Brasil passou a fazer faltas para forçar as adversárias a irem na linha do lance livre, contando com os seus erros. A tática deu certo, com as brasileiras conseguindo levar a vantagem para dois pontos. 


Nos últimos segundos, a seleção argentina errou o ataque e o Brasil tinha a chance de empatar ou vencer o jogo. Só precisava de um arremesso certeiro a dois segundos do fim da partida. Aaliyah Guyton teve as bolas nas mãos pra decidir, mas não conseguiu arremessar a tempo. Fim de jogo, Argentina 56 a 54.


Alma Bougarel e Gianella Espedale, com 14 pontos cada, foram as cestinhas da Argentina no jogo. Pelo Brasil, Taissa Nascimento foi o destaque com um duplo-duplo de 19 pontos e 20 rebotes. Agora as meninas da seleção brasileira enfrentam o Chile na disputa do 5º ao 8º lugar 


Foto: Fiba/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário