Judoca argelino desiste de Tóquio-2020 para não enfrentar atleta israelense - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Judoca argelino desiste de Tóquio-2020 para não enfrentar atleta israelense

Compartilhe

 


O judoca argelino Fethi Nourine se retirou da Olimpíada de Tóquio após o sorteio do chaveamento apontar um possível confronto contra o israelense Tohar Butbul, na segunda fase da categoria até 73kg. Nourine disse ser contra o estado colonialista, referência aos assentamentos na Cisjordânia, e contra um suposto apartheid de Israel contra os palestinos. 


"Nós não tivemos sorte com o sorteio. Pegamos um adversário israelense e por isso tivemos que nos retirar. Tomamos a decisão certa", disse o técnico de Nourine. Com a desistência do argelino, Mohamed Abdalarasool, do Sudão, passou direto para a segunda fase e enfrentará Butbul.


Parte dos países de maioria islâmica não mantêm boas relações com Israel. Na Rio-2016, o judoca egípcio Islam El Shehaby se recusou a cumprimentar o israelense Or Sasson após perder um combate.  


Em 2019, Saeid Mollaei, do Irã, foi obrigado a perder a semifinal do Mundial para não ter que enfrentar Sagi Muki na decisão. Após o episódio, a federação iraniana foi suspensa das competições da IJF até 2023 e Mollaei se refugiou na Alemanha e disputará os Jogos de Tóquio pela Mongólia.


A categoria até 73kg será disputada na madrugada entre os dias 25 e 26 de julho. As eliminatórias começam às 23h, de Brasília, no domingo e as finais, às 5h, já no dia seguinte. O Brasil contará com Eduardo Barbosa nesta disputa. Confira o seu chaveamento e o dos outros 12 judocas brasileiros na Olimpíada.


Foto em destaque: Marina Mayorova/ IJF



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário