Coreia do Sul conquista o inédito título olímpico por equipes mistas no tiro com arco - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Coreia do Sul conquista o inédito título olímpico por equipes mistas no tiro com arco

Compartilhe

Maior potência mundial do tiro com arco, a Coreia do Sul conquistou neste sábado (24) um título inédito na modalidade. An San e Kim Je Deok faturaram o ouro na disputa por equipes mistas em Tóquio-2020, naquela que foi a estreia da prova no programa olímpico. Na final, eles derrotaram os neerlandeses Gabriela Schloesser e Steve Wijler, por 5 a 3, de virada, no Park Yumenoshima.


An San/Kim Je Deok venceram a competição com sobras. Eles tiveram uma trajetória tranquila e sofreram certo perigo apenas na decisão. Ranqueados como os cabeças de chave número 1, após An e Kim terem sido os líderes das classificatórias de seus respectivos naipes - An, inclusive, bateu o recorde olímpico no dia anterior -, venceram, em ordem Bangladesh (6 a 0), Índia (6 a 2) e México (5 a 1).


Na finalíssima, An/Kim começaram com um susto. Sem acertar nenhum 10, eles perderam o primeiro set por 38 a 35. Por pouco, os neerlandeses também não vencem o segundo set. Precisando de apenas 18 pontos para empatar a parcial, Gabriela/Wijler acabaram fazendo 17, e os os coreanos venceram, empatando o duelo em 2 a 2. Com um uma flecha no 6 no terceiro set, An/Kim encaminharam sua vitória e fecharam o combate com um empate em 39 a 39 no último set.


A medalha de bronze ficou com o México. Alejandra Valencia e Luiz Alvarez derrotaram os turcos Mete Gazoz/Yasemin Anagoz, por 6 a 2, e subiram ao pódio. Eles foram os primeiros atletas latino-americanos a conquistarem uma medalha nesta edição de Jogos Olímpicos. Até o momento em que este texto foi escrito, apenas finais do tiro esportivo e do levantamento de peso foram realizados.


Foto de capa: Divulgação/World Archery

Nenhum comentário:

Postar um comentário