Ágatha/Duda vencem dupla argentina na estreia do vôlei de praia em Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Ágatha/Duda vencem dupla argentina na estreia do vôlei de praia em Tóquio

Compartilhe


Ágatha/Duda derrotaram a dupla argentina Gallay/Pereyra nesta sexta-feira (23), na estreia do vôlei de praia de Tóquio-2020. As brasileiras fizeram um jogo equilibrado, porém tranquilo, e venceram por 2 a 0. 


O próximo jogo das brasileiras é contra a dupla chinesa Wang/X.Y.Xia, no dia 27 às 10h do horário de Brasília. A disputa é válida pelo Grupo C do torneio feminino, que além das brasileiras, argentinas e chinesas, ainda conta com a dupla canadense Bransley/Brandie.


As brasileiras, líderes do ranking mundial de vôlei de praia, dominaram o jogo em todos os fundamentos e ainda pontuaram 11 vezes em decorrência de erros das adversárias.


As argentinas saíram na frente, mas a dupla do Brasil correu atrás e conseguiu empatar o jogo em quatro pontos. A dupla da Argentina entrou muito bem no jogo, conseguindo defender bem o ataque brasileiro e mantendo vantagem no placar no início do jogo. Gallay/Pereyra chegaram a abrir três pontos em 8 a 5, evidenciando um certo desencontro na quadra brasileira. 


Aos poucos, Ágatha e Duda foram encontrando o seu ritmo nas areias japonesas e conseguiram empatar em 12 pontos até ficarem mais da metade do primeiro set atrás no placar. Foi somente nos 16 pontos que nossa dupla campeã conseguiu passar à frente no placar, e logo em seguida, aproveitou para abrir 2 pontos em uma infração da dupla adversária.


O jogo seguiu tenso, com as duas duplas trocando pontos e estando muito próximas no placar. Na reta final, as brasileiras e as argentinas entraram empatadas em 19 pontos, em um primeiro set equilibradíssimo. Quem teve o primeiro ponto do set foram as brasileiras, que conseguiram fazer 20 a 19 em um belo ataque na paralela de Ágatha. E não precisaram de mais que isso para fechar o primeiro set em 21 a 19, após um erro de ataque de Pereyra.


Já no segundo set, Ágatha/Duda saíram na frente. Duda fez um ponto inacreditável, após uma peixinho para defender, no qual a bola voltou direto na fita da quadra argentina. As brasileiras seguiram dominando o início do set, abrindo logo de cara um placar de 6 a 1. A dupla do Brasil voltou do intervalo conseguindo, principalmente, anular o preciso ataque de Pereyra, e, por isso, seguraram vantagem no placar durante quase todo o duelo.


As argentinas chegaram a esboçar uma reação, mas as brasileiras se mantiveram em um bom ritmo. Neste segundo set, Duda mostrou claramente porque é a melhor do mundo, demonstrando maestria em todos os fundamentos. Na segunda metade do set, a dupla brasileira tinha boa vantagem, tendo o dobro de pontos das argentinas em 12 a 6. 


Sem muitas dificuldades, a dupla líder do ranking mundial controlou o jogo até o fim, entrando na reta final com 8 pontos de vantagem. Aos 21 a 11, as brasileiras tiveram o primeiro ponto do jogo, que rapidamente foi definido por um belo bloqueio de Ágatha, que encerrou a história do primeiro jogo olímpico nas areias japonesas.


Foto: Wander Roberto/COB

Nenhum comentário:

Postar um comentário