Vinicius Figueira cai nas quartas no Pré-Olímpico de caratê e está fora de Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Vinicius Figueira cai nas quartas no Pré-Olímpico de caratê e está fora de Tóquio

Compartilhe
Vinicius Figueira lutando no Pan de Lima 2019


Vinicius Figueira está oficialmente fora dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Competindo no Pré-Olímpico Mundial de caratê, em Paris (FRA), nesta sexta-feira (11), o brasileiro precisava terminar a competição entre os três melhores para carimbar seu passaporte e chegou a vencer três lutas, mas parou nas quartas de final do kumitê até 67kg e deu adeus ao sonho olímpico. 


Vinicius era um dos favoritos a uma das vagas na categoria. Sexto colocado do ranking olímpico, ele entrou no torneio como cabeça de chave número 2 e venceu o venezuelano Andrés Madera, por 2 a 1, o salvadorenho Alejandro Alfredo, por 1 a 0, e o espanhol Matias García, por 3 a 2, até cair para o azeri Firdovsi Farzaliyev, por 1 a 0.


Derrotado nas quartas, Figueira ainda poderia voltar à competição, através da repescagem, caso seu algoz conseguisse passar pela semifinal. Isto, no entanto, não aconteceu. Farzaliyev foi derrotado pelo húngaro Yves Martial Tadissi, que se juntou ao turco Eray Samdan na rodada final. Os eliminados por eles disputarão a repescagem e os dois vencedores disputarão o round robin, valendo três vagas olímpicas. 


Vale destacar que Vinicius foi prejudicado pela Federação Mundial de Caratê (WKF) em sua busca pela classificação olímpica. Logo após a paralisação das competições pela pandemia do coronavírus no ano passado, a entidade oficializou a vaga olímpica do brasileiro, que chegou a comemorá-la. Dois meses depois, porém, a WKF voltou atrás e reabriu as disputas pelas vagas.


Figueira ainda tinha chances muito concretas de se garantir nos Jogos Olímpicos através do ranking mundial. Restando apenas uma competição para o fim da corrida, precisava apenas vencer uma luta na Premier League de Lisboa, em abril deste ano, para carimbar o passaporte, mas acabou eliminado na estreia e foi ultrapassado pelo egípcio Ali Elsawy.


Outra brasileira entra em ação ainda nesta sexta-feira, com boas chances de conseguir classificação. Valéria Kumizaki está lutando no kumitê até 55kg neste instante e também precisa terminar entre as três primeiras colocadas da categoria para ir a Tóquio. A competição segue até domingo (13), com brasileiros em todas as categorias.


Foto de capa: Abelardo Mendes Jr./rededoesporte.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário