Lucas Dias ganha nova chance na seleção masculina de basquete e não quer desperdiçar - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Lucas Dias ganha nova chance na seleção masculina de basquete e não quer desperdiçar

Compartilhe


Aos 25 anos, Lucas Dias já é uma realidade no basquete brasileiro. Um dos líderes do elenco do Franca, onde renovou contrato, o ala/pivô busca agora afirmação na Seleção Brasileira. Desde 2017, o jogador participa das listas de Aleksandar Petrovic, fez jogos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo da China, foi convocado para o grupo que treinou, mas acabou cortado da competição em 2019. Dois anos depois, mais maduro, o jogador se vê pronto para ajudar e não quer desperdiçar a oportunidade.

- Minha expectativa está enorme. Estou fazendo boas sessões de treino, com a ajuda de todos, tenho certeza que a gente vai brigar e fazer de tudo para conquistar essa vaga. Na minha primeira convocação para a Seleção principal, fiquei muito nervoso, ansioso. É igual agora, mas estou bastante confiante, tendo uma nova oportunidade, no Mundial pude estar com o elenco. E agora quero agarrar, estou feliz de estar aqui. Quero conquistar essa vaga olímpica - disse Lucas.

Após oito dias de trabalho em Walbrzych, na Polônia, Lucas vê o time evoluindo a cada atividade.

- Estamos todos em uma evolução muito grande, o Caboclo (Bruno) chegando, o Marcelinho (Huertas), nosso capitão, chegando no fim de semana. Treinos de contato, muito bons, firmes, para todos estarem prontos e podermos brigar por essa vaga para a Olimpíada de Tóquio 2020 que é muito importante para a gente - garantiu o jogador.

Vestir a camisa da Seleção Brasileira para Lucas é como um sonho a cada vez que vê seu nome na lista de atletas.

- É inexplicável. Defender um país inteiro, a torcida torcer para a gente, a família. O carinho. A gente tem que dar tudo por essa camisa sempre. É uma sensação de amor, de garra - contou.

O Brasil estreia no Pré-Olímpico no dia 29 de junho, diante da Tunísia, às 15h. E no dia 30 de junho encara a Croácia, encerrando a primeira fase. Do outro lado da chave estão Rússia, Alemanha e México. Os dois primeiros de cada mini-grupo avançam para as semifinais. A decisão acontece no dia 4 de julho.

Foto: Diuvlgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário