Menezes e Meligeni vencem suas partidas e avançam à fase final do quali de Roland Garros - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Menezes e Meligeni vencem suas partidas e avançam à fase final do quali de Roland Garros

Compartilhe
Felipe Meligeni e João Menezes estão a uma vitória de furar o quali do Major de  Roland Garros

Os tenistas brasileiros seguem embalados no torneio qualificatório de Roland Garros. Nesta quarta-feira (26), João Menezes (210º) e Felipe Meligeni (235º) venceram seus jogos e garantiram suas respectivas vagas na fase final do evento que classifica para a chave de simples masculina. 

Menezes não teve grandes problemas em seu jogo, cedeu apenas três games na partida e venceu o canadense Steven Diez (189º), por 2 sets a 0, com parciais de 6-3 e 6-0, em 1h16. O brasileiro disparou quatro aces e cometeu apenas uma dupla-falta, obtendo um aproveitamento de 72% nos pontos jogados com o primeiro saque. 

Com seis quebras de serviço em 12 break points, Menezes teve também muito sucesso em se salvar nos momentos em que foi pressionado. Das nove oportunidades de quebra que cedeu, apenas uma foi aproveitada por Diez, que também cometeu mais erros (27 a 18). Desta forma, o brasileiro alcançou a vitória e enfrenta na fase final do quali, o espanhol Carlos Taberner (137º). 

Já Meligeni, precisou de mais tempo para alcançar a vitória sobre o croata Borna Gojo (232º). Em 2h17 de partida, ele aplicou 2 sets a 1, com 6-3, 6-7 (4) e 7-6 (3), para obter o triunfo e garantir vaga na fase final do evento. O brasileiro chegou a ter vantagem de 4-1 no segundo set, mas passou sufoco diante o adversário, que por pouco não levou a classificação de virada.

Gojo disparou nove aces e cometeu quatro duplas-faltas. De quebra, teve 78% de aproveitamento em pontos jogados com o primeiro serviço, contra 74% do brasileiro. Mas quem conquistou mais quebras de serviço foi Meligeni, com quatro em oito chances. Ele ainda salvou dois break points e foi quebrado duas vezes. 

O croata também foi superior no número de bolas vencedoras, porém, também cometeu mais erros não-forçados que o brasileiro. Gojo teve 39 a 23 nos winners e 30 a 17 nos erros, o que explica a construção do placar no jogo. No tiebreak decisivo, Meligeni foi melhor e garantiu sua classificação sem sustos. Na final do quali do Aberto da Franca, ele encara o alemão Maximilian Marterer

Foto: Montagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário