IIHF critica troca das bandeiras de Belarus após sequestro de avião - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

IIHF critica troca das bandeiras de Belarus após sequestro de avião

Compartilhe


A Federação Internacional de Hóquei no Gelo (IIHF) criticou nesta terça-feira (25) a atitude do governo da Letônia em substituir a bandeira de Belarus após o governo ditador sequestrar um avião para prender uma jornalista de oposição.

Na segunda-feira (24), um avião da RyanAir que fazia o voo entre Atenas (GRE) e Vilna (LTU) foi interceptado pelo controle de voo de Belarus, que mentiu dizendo que tinha uma bomba a bordo, fazendo a aeronave pousar em Minsk (BLR) com o intuito de prender o opositor do governo de Alexander Lukashenko, o jornalista Roman Protasevich.

Martins Stakis, prefeito de Riga, capital da Letônia e sede do Mundial de Hóquei no Gelo, ordenou a troca das atuais bandeiras de Belarus pelas antigas que a oposição utiliza em protestos como símbolo.

Stakis disse que uma bandeira que simboliza o regime que patrocina o terrorismo não deve ser hasteada.

Para a agência russa TASS, o presidente da IIHF, Rene Fasel, disse que é inaceitável a mudança e que irá remover as bandeiras da IIHF e dos países das posições em que as bandeiras de Belarus foram alteradas.

A federação de hóquei de Belarus enviou uma carta para Fasel, que mandou uma carta para o prefeito de Riga criticando a decisão. O presidente da Federação de Belarus de Hóquei no Gelo disse que a atitude é uma tentativa de politizar o esporte.


Foto: Reprodução/Twitter

Nenhum comentário:

Postar um comentário