Prata no Pan de Lima, canadense de 15 anos é campeã mundial cadete no florete - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Prata no Pan de Lima, canadense de 15 anos é campeã mundial cadete no florete

Compartilhe
Jessica Guo Canada Fencing Foil Esgrima florete sensação

Uma das sensações da esgrima mundial, a canadense Jessica Zi Jia Guo, de apenas 15 anos e que ocupa a 15ª colocação no ranking mundial adulto, confirmou o amplo favoritismo e venceu a prova do cadete feminino no Mundial de Esgrima, disputado em Cairo. Pelo masculino, o norte-americano Daniel Zhang sagrou-se campeão cadete, terceiro título norte-americano na competição.


Curiosamente, os melhores brasileiros na competição foram eliminados pelos campeões a caminho do título. Gabriella Vianna caiu para Jessica Zi Jia Guo na segunda rodada e terminou em 29º lugar, enquanto Lorenzo Mion perdeu nas oitavas-de-final para Daniel Zhang, sendo o 13º melhor do mundial. Leia tudo sobre a campanha deles aqui.


Melhor canadense no ranking internacional, Jessica Guo deverá ser convocada para a equipe do país nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ela foi prata no Pan de Lima 2019, quando tinha apenas recém-completados 14 anos e já foi medalhista de bronze no mundial juvenil disputado na terça-feira (06). Ela é a única a ter duas medalhas individuais por enquanto no Campeonato Mundial e poderá levar uma terceira medalha na disputa por equipes que acontece nesta quinta-feira (08).

 

A canadense confirmou o favoritismo na final, aumentando pouco a pouco sua vantagem para não mais perder. Ao final sofreu apenas 40 toques contra os seus 105 toques conferidos, ao longo de seis partidas de poule e cinco eliminatórias, Na primeira rodada ela venceu seus cinco confrontos, e em apenas dois sofreu 3 toques. Ela estreou direto na segunda rodada e venceu a brasileira Gabriella Viana por 15 a 5. 


Em seguida passou pela norte-americana Elizabeth He por 15-6 e pela russa Aila Mamedova (15-7). Já na semifinal, derrota acachapante diante da norte-americana Alexandra Jing 15-4, antes de sofrer o maior desafio diante de Anastasia Beznosikova. Apesar do placar de 15-9, ela teve a partida sob controle durante todo o tempo. A segunda medalha de bronze ficou com Maria Cojocari, de Moldávia. 

Daniel Zhang USA KOR vence mundial cadete

Pelo masculino, Daniel Zhang sofreu na final diante do sul-coreano An Hyeonbhin e chegou a estar perdendo por 8 a 6, mas conseguiu a virada em 10-9 e a partir de 12-11, conseguiu dar o gás final para vencer por 15-11. Um feito raro aconteceu  no torneio: a final foi um repeteco de um dos confrontos na poule, mas o placar não foi diferente: Zhang venceu An por 5 a 4.


Daniel Zhang começou sua campanha com seis triunfos, inclusive uma apertada vitória por 5 a 4, diante do brasileiro Rafael Tomino. Classificado como 6º melhor, ele superou o austríaco Alexander Hubner por 15 a 4, antes de derrotar o brasileiro Lorenzo Mion pelo mesmo placar, nas oitavas antes de passar pelo canadense Bogdan Hamilton por 15 a 12 para alcançar as semifinais, onde venceu o compatriota Chase Emmer por 15 a 9, enquanto o sul-coreano Lee Seoungbin também levou o bronze.


Surte+ Rússia e EUA levam títulos no florete juvenil e ampliam domínio no Mundial de Esgrima


A quinta-feira será dedicada ao torneio por equipes juvenis do florete, com participação do Brasil em ambos os naipes. Pelo feminino, o Brasil será composto por Valentina Baldi, Talia Calazans, Laura Papaiano e Gabriella Vianna e estreia às 5h (horário de Brasília) já nas oitavas contra a Ucrânia, quinta favorita do torneio. No masculino, Lorenzo Mion, Paulo Morais, Guilherme Murray e Ricardo Pacheco defendem o Brasil nnuma parada dura: eles desafiam o Uzbequistão, liderado por Mukhammad Yusuf Asranov, às 4h50 da manhã em jogo ainda válido pela primeira rodada.


As disputas da espada encerram o Mundial Juvenil e Cadete de Esgrima, no Cairo, Egito, de sexta-feira a domingo.


Surte +: Gosta de nosso trabalho? Participe da campanha em prol do jornalismo esportivo independente e Ajude o Surto Olímpico a carimbar sua vaga e estar em Tóquio!

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário