Lorenzo Mion alcança melhor resultado brasileiro no Mundial Juvenil e Cadete de Esgrima - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Lorenzo Mion alcança melhor resultado brasileiro no Mundial Juvenil e Cadete de Esgrima

Compartilhe
Lorenzo Mion Esgrima Brasil mundial juvenil Brazilian fencing,

Na manhã desta terça-feira (6), Lorenzo Mion conseguiu o melhor resultado individual até então alcançado por um brasileiro no Campeonato Mundial Juvenil e Cadete em Esgrima, ao terminar em 13º lugar na disputa do florete masculino para cadetes, igualando o sabre feminino juvenil na segunda-feira (5). Outros quatro brasileiros participaram e apenas um ficou na fase de grupos no torneio disputado em bolha no Cairo, capital do Egito. 


Lorenzo Mion começou o dia teve uma forte performance em sua poule, com apenas duas derrotas pelo placar mínimo de 5x4 para Nikita Cecet, de Moldávia e Antonio Pedro, de Portugal. Foram três vitórias, contra o letão Nikita Kuceba (5x0), o turco Tan Sezer (5x4) e o grego Dimitrios Sachinidis (5x3).


Classificado como 22º melhor, ele passou pelo armênio Grigor Papoyan na primeira fase por 15 a 7, antes de passar um sufoco diante do sérvio Dusan Zeljkovic, mas superando o adversário por 15 a 13 e garantindo sua vaga nas oitavas. Foi a primeira vez que um brasileiro chegou no quadro de 16 individual  no evento no Cairo. A vaga entre os oito primeiros esbarrou num Daniel Zhang inspiradíssimo e o norte-americano levou a melhor por 15 a 4. 


brasileiro mundial de esgrima Daniel Zhang Lorenzo Mion fencing brazil world championships


Andre Mura venceu na fase inicial o sérvio Dusan Zeljkovic e o egípcio Ahmed Hendawy, mas caiu para o espanhol Alan Fernandez Hernandez; Shahab Aljaabi, dos Emirados Árabes Unidos, e para o sul-coreano Bu Sungbin. Na primeira fase do mata-mata, ele caiu para o turco Alp Tuna Korkmaz por 15 a 3, finalizando o evento em 50º lugar.


Rafael Tomino, que perdeu todos os seis confrontos da fase inicial, incluindo um apertado 5x4 para o campeão Daniel Zhang, e um 5 a 1 para o vice-campeão An Hyeonbhin, terminou apenas em 64º, não avançando de fase.


Pelo torneio feminino, as duas brasileiras passaram pela fase de grupos e foram eliminadas no eliminatório. O melhor resultado foi alcançado por Gabriella Vianna, que já havia sido um dos destaques da delegação juvenil de florete na terça-feira


Vianna caiu na segunda rodada para a sensação canadense Jessica Zi Jia Guo, que aos 15 anos já é 15ª melhor do mundo adulta, contando no currículo com uma prata no Pan de Lima 2019 e terminou como 29º melhor do mundo em sua categoria. 

Jessica Zi Jia Guo Gabriella Vianna canada brasil esgrima

Pela fase de grupos, Vianna venceu a norte-americana Elizabeth He, a croata Katja Trcin, e a armenia Aida Aloyan, com derrotas para a uzbeque Marjona Usmonova, a sul-coreana Mo Byeoli e Ava Emanuel, dos Países Baixos.


Stella Frias passou pela poule com vitórias sobre a turca Alisa Isbir e a neerlandesa Valerie Buijse, e derrotas para a egípcia Lojain Khaled, a ucraniana Kristina Kulyk e a croata Lorena Pozgajci, mas caiu na primeira rodada do quadro principal para a romena Karina Vasile por 15 a 6, ficando em 38ª na classificação geral.


Pela grande final feminina que acontecem logo mais, a canadense Jessica Zi Jia Guo tenta confirmar o favoritismo diante da russa Anastasia Beznosikova, depois de triturar a norte-americana Alexandra Jing por 15 a 4. Jing levou um dos bronzes, assim como Maria Cojocari, de Moldávia, derrotada por 12 a 6, na outra semifinal


Pelo torneio masculino, dois confrontos nacionais decidiram os finalistas masculinos: An Hyeonbhin venceu Lee Seoungbin por 15 a 7 no duelo sul-coreano, enquanto os norte-americanos Daniel Zhang e Chase Emmer se enfrentam no momento.


A quinta-feira será dedicada ao torneio por equipes juvenis do florete, com participação do Brasil em ambos os naipes. Pelo feminino, o Brasil será composto por Valentina Baldi, Talia Calazans, Laura Papaiano e Gabriella Vianna e estreia já nas oitavas contra a Ucrânia, quinta favorita do torneio. No masculino, Lorenzo Mion, Paulo Morais, Guilherme Murray e Ricardo Pacheco defendem o Brasil nnuma parada dura: eles jogam a primeira rodada diante do Uzbequistão, liderado por Mukhammad Yusuf Asranov.


As disputas da espada encerram o Mundial Juvenil e Cadete de Esgrima, no Cairo, Egito, de sexta-feira a domingo.


Surte +: Gosta de nosso trabalho? Participe da campanha em prol do jornalismo esportivo independente e Ajude o Surto Olímpico a carimbar sua vaga e estar em Tóquio!


Fotos: Augusto Bizzi / Federação Internacional de Esgrima (FIE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário