Prata no Rio-2016, Juan Martin del Potro fará quarta cirurgia no joelho direito - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Prata no Rio-2016, Juan Martin del Potro fará quarta cirurgia no joelho direito

Compartilhe

Dono de duas medalhas olímpicas, o tenista argentino Juan Martin del Potro fará sua quarta cirurgia no joelho direito. Nesta segunda-feira (22), ele confirmou a informação em suas redes sociais, contando mais detalhes e reafirmando seu objetivo de disputar a Olimpíada da Tóquio


“Terça-feira farei outra cirurgia no joelho. Tentámos terapia conservadora, mas a dor ainda está lá. Ele (o médico Jorge Chahla) sabe que quero voltar a jogar tênis e poder disputar os Jogos Olímpicos, então concordamos que a cirurgia deveria ser feita o mais breve possível”, disse o campeão do US Open de 2009 e vice em 2018. 



Ex-número três do mundo, Delpo, como é apelidado, está na cidade de Chicago, nos Estado Unidos, onde passará pela cirurgia. A última vez em que o argentino precisou de uma intervenção médica deste nível foi no ano passado, em Berna, na Suíça. 


Delpo tem uma carreira conturbada por causa das inúmeras lesões no punho e no joelho. No entanto, sua situação piorou desde junho de 2019, quando fraturou o joelho, ficando longe das quadras desde então. 


“As últimas semanas não foram fáceis para mim. Tudo está muito difícil desde a morte do meu pai, mas também sinto a força que ele me envia do céu. Acordei um dia e chamei o médico. Sabia que tinha de tentar novamente. Espero poder superar esta situação dolorosa. Não vou parar de tentar. As vossas mensagens de apoio são sempre bem-vindas. Obrigado pelo amor. Cuidem-se”, contou del Potro em suas redes sociais. 


O tenista argentino tem duas medalhas olímpicas, o bronze conquistado em Londres-2012, na grama de Wimbledon, além da prata nas quadras duras do Rio de Janeiro-2016, após grande campanha, eliminando Novak Djokovic na primeira rodada e Rafael Nadal na semifinal. Hoje Delpo ocupa a 173ª colocação no ranking mundial da ATP. 


Foto: Andy Hooper/Daily Mail


Nenhum comentário:

Postar um comentário