Matt Jones vence o Honda Classic, seu primeiro título após quase sete anos - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Matt Jones vence o Honda Classic, seu primeiro título após quase sete anos

Compartilhe

Após seis anos e 349 dias, o golfista australiano Matt Jones voltou a erguer um troféu de campeão no PGA Tour. Neste domingo (21), o atleta conquistou o título do The Honda Classic, encerrando a longa espera. Com cinco tacadas de vantagem para o vice-campeão, Brandon Hagy, Jones não encontrou dificuldades e manteve a liderança durante toda a quarta volta. 


O tempo sem títulos de Jones pode ser 'traduzido' ao recordarmos fatos históricos do esporte mundial. Neste período foram realizadas duas Copas do Mundo de futebol, uma Olimpíada de verão e outra de inverno (Rio-2016 e PyeongChang-2018). Aliás, naquela época, quando o australiano ganhou o Houston Open, o golfe ainda não tinha feito seu retorno ao programa esportivo dos Jogos Olímpicos


Jones terminou o The Honda Classic com 268 tacadas (61-70-69-68), 12 abaixo do par do campo. A primeira volta dele no evento, inclusive, foi um recorde no campo do Palm Beach Gardens, na Flórida. Nenhum outro golfista tinha terminado uma rodada com um número tão baixo de jogadas. 


Neste domingo, na quarta rodada, Jones efetuou cinco birdies e três bogeys, nos 18 buracos do campo, com uma média de 315 jardas nos drives. O título do australiano rendeu uma escalada de 34 posições, indo ao 49º lugar. 


Vice-campeão, Hagy teve uma boa atuação na quarta rodada, disparando seis birdies e quatro bogeys. Na classificação geral, o golfista estadunidense terminou o evento com sete tacadas abaixo da previsão. 


Se não houve tanta disputa pelas duas primeiras posições no The Honda Classic, o terceiro lugar contou com uma competição parelha e acabou sendo dividida por cinco golfistas: Chase Seiffert, Brendan Steele, Denny McCarthy e Russell Henley, todos dos Estados Unidos, além do taiwanês C.T. Pan. Ambos terminaram o torneio com seis tacadas abaixo do par. 


A escalada de Adilson da Silva no ranking


Neste domingo, quem também entrou em campo, mas pelo Sunshine Tour, foi o golfista brasileiro Adilson da Silva. Ele terminou o torneio Gauteng Championship com a sexta colocação


Esse resultado proporcionou uma subida de 48 posições para Adilson, saindo o 372º lugar, indo ao 324 posto. Isso, somado aos próximos campeonatos que o brasileiro disputar, podem ser fundamentais na corrida pela a vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio. 


Em entrevista exclusiva ao site Surto Olímpico, no mês passado, Adilson afirmou que para garantir uma classificação tranquila, ele deveria estar entre os 250 melhores do mundo. Você pode conferir mais desse papo com o atleta brasileiro, clicando aqui


Foto: Twitter/PGA Tour

Nenhum comentário:

Postar um comentário