Fluminense e Sesi Bauru vencem partidas de cinco sets na antepenúltima rodada da Superliga feminina de vôlei - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Fluminense e Sesi Bauru vencem partidas de cinco sets na antepenúltima rodada da Superliga feminina de vôlei

Compartilhe
Sesi Bauru e Fluminense vencem partidas de cinco sets pela Superliga feminina

Nesta terça-feira (23) aconteceu a nona rodada do returno da Superliga feminina 2020/21. A antepenúltima rodada da competição antes dos playoffs foi movimentada com cinco partidas. Destaque para Dentil Praia Clube x Sesi Vôlei Bauru e Pinheiros x Fluminense, partidas que tiveram Bauru e Flu vencendo apenas no set de desempate, o tie-break. 


Em Uberlândia, o Praia Clube e o Sesi Bauru fizeram um grande duelo de equipes que brigam pela terceira posição no campeonato, hoje ocupada pela equipe mineira - que possui 44 pontos em 14 vitórias. O time bauruense também apresenta 14 resultados favoráveis, mas marcou apenas 40 pontos.


Na vitória do Sesi Bauru por 3 sets a 2 (21/25, 29/27, 20/25, 27/25 e 15/13). Destaque para as opostas Martinez e Rahimova que cravaram um duelo de pontos: 26 para a dominicana e 34 para a azeri, eleita melhor do jogo.



Já um pouco mais tarde, foi a vez do duelo entre Pinheiros e Fluminense, equipes que estão na parte de baixo da tabela. O Flu vive um momento complicado após derrotas em sequência e a perda do técnico Hylmer Dias, mandado embora do clube. Já o Pinheiros briga com o Brasília Vôlei pela última vaga nos playoffs da competição.


Correndo o risco do rebaixamento, o tricolor das Laranjeiras abriu 2 sets 0 com 25/22 e 25/17, mas cedeu o empate para as donas da casa com 25/21 e 25/14. No tie-break, vitória em 15 a 10 para o Flu em uma grande partida da campeã olímpica Mari, eleita a melhor do jogo.


Surte + Campeão olímpico Bruno Schmidt é internado para tratamento de Covid-19


Mari segurando o troféu Viva Vôlei, prêmio de melhor jogadora da partida
Mari marcou 22 pontos na vitória do Fluminense - Foto: Ricardo Bufolin/ECP

São Paulo/Barueri, Minas e Curitiba também vencem

O líder Minas e a central Thaisa seguem fazendo vítimas. A bicampeã olímpica marcou 15 pontos no triunfo pra cima do Sesc Flamengo, em partida realizada no ginásio Hélio Maurício, no Rio de Janeiro. A equipe de Bernardinho foi derrotada por 3 sets a 0, com parciais de 25/16, 25/21 e 25/23. O Minas segue líder isolado com apenas uma derrota em 20 jogos


O time carioca amarga a sétima derrota na Superliga e já igualou o recorde de pior campanha da equipe, quando também perdeu sete vezes das 22 partidas da Superliga 18/19. No entanto, o clube ainda enfrenta o Praia Clube e pode amargar o recorde de pior campanha na fase inicial desde quando o projeto chegou ao Rio, em 2003.



Fora de casa foi a vitória das "Chiquititas" do São Paulo/Barueri por 3 sets a 0 (25/21, 25/17 e 25/21) diante de um já rebaixado São Caetano. Sob o comando de Zé Roberto Guimarães, elas chegaram a 12 vitórias e 34 pontos, entrando na briga direta pela 5ª colocação com o Sesc Flamengo. A vitória teve a boa atuação da ponta Karina, marcando 12 pontos pela equipe vencedora.


Encerrando a rodada tivemos o clássico paranaense entre São José dos Pinhais, que jogou em casa, e o Curitiba. As curitibanas levaram a melhor vencendo por 3 a 0 (25/19, 25/20 e 25/22) e tendo o troféu Viva Vôlei de melhor da partida para a central Lays. 


São José dos Pinhais está em 10º na competição e é seguido de perto pelo Fluminense, que está apenas dois pontos atrás e luta pra sair da zona da degola. Por outro lado, o Curitiba subiu uma posição, estando em 7º lugar.


A 10ª rodada da Superliga feminina está programada para a próxima sexta-feira (26). Dentre os jogos, destaque para o clássico mineiro entre Praia Clube e Minas.


Foto em destaque: Marcelo Cortes/CRF e Ricardo Bufolin/ECP

Nenhum comentário:

Postar um comentário