ATP Cup: Itália e Rússia jogam muito e garantem vagas nas semifinais - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

ATP Cup: Itália e Rússia jogam muito e garantem vagas nas semifinais

Compartilhe

A ATP Cup foi palco de grandes jogos nesta virada da noite de terça-feira (2), para a manhã desta quarta-feira (3). Além disso, o torneio conheceu seus dois primeiros semifinalistas: Itália e Rússia, que com boas atuações ganharam seus confrontos e confirmaram suas vagas à próxima fase.


Em confronto válido pelo Grupo C, a Itália bateu a França por 2 a 1, sendo soberana nos jogos de simples. Fabio Fognini bateu facilmente Benoit Paire por 2 sets a 0, com parciais de 6-1 e 7-6 (2). 


No confronto entre os protagonistas de cada time, o italiano Matteo Berrettini levou a melhor contra o francês Gael Monfils, que chegou a liderar o primeiro set por 4 a 1, mas sucumbiu, levando a virada e perdendo por 6-4 e 6-2. 


Nas duplas, o favoritismo de Nicolas Mahut e Edouard Roger-Vasselin (FRA) foi confirmado. Eles venceram Simone Bolelli e Andrea Vavassori (ITA) em sets diretos (6-3 e 6-4). Porém o resultado não alterava a vitória e classificação italiana. França e Áustria estão eliminadas. 


Surte + : Monteiro vira batalha de três sets, vai às oitavas e encara jovem Alcaraz


No Grupo D, os tenistas de simples da Rússia também deram demonstrações de superioridade no confronto contra o Japão. Os russos conquistaram a vaga na semifinal ao baterem japoneses por 2 a 1, e contaram com vitórias de Daniil Medvedev e Andrey Rublev. 


Em partida tranquila, Rublev venceu Yoshihito Nishioka por 2 sets a 0, com parciais de 6-1 e 6-3, em 1h04 de jogo. Medvedev por sua vez, também não enfrentou problemas e bateu Kei Nishikori em 6-2 e 6-4, em 1h15. 


Entrando em quadra já eliminada, a dupla japonesa de Bem McLachlan e Yoshihito Nishioka ainda assim foi buscar uma heroica vitória de virada contra a os russos Evgeny Donskoy e Aslan Karatsev. Placar de 4-6, 6-3 e 12-10. 


Surte + : Duplistas brasileiros estreiam com vitória em torneios de Melbourne


Mesmo sem entrar em quadra na segunda rodada, a protagonista do Grupo B foi a Espanha. Isso porque a seleção está muito perto da classificação, após a Austrália bater a Grécia por 2 a 1.


A situação do grupo é a seguinte: para ir à semifinal, os gregos precisam vencer os espanhóis por 3 a 0. Só este placar dará a vaga para a Grécia. Uma vitória por 2 a 1 não é o suficiente. No caso dos australianos, mais nada pode impedir sua eliminação, já que o país tem saldo negativo de vitórias em partidas (2 vitórias e 4 derrotas) e além da derrota no confronto direto contra a Espanha.


Mesmo ganhando da Grécia, a Austrália está eliminada da ATP Cup. Foto: Reprodução

Voltando ao jogo desta quarta, John Millman (AUS) bateu Michail Pervolarakis (GRE) por 2 sets a 0 (6-2 e 6-3). 


Com isso, a responsabilidade de manter a Austrália viva na ATP Cup era de Alex De Minaur, que teve set points contra Stefanos Tsitsipas, mas acabou derrotado diante o grego, por 2 sets a 0 (6-3 e 7-5). Para permanecer na competição, a Austrália teria que bater a Grécia por 3 a 0 e torcer por um tropeço espanhol na última rodada. 


O segundo ponto australiano no confronto foi conquistado por John Peers e Luke Savile, que encontraram muitas dificuldades para bater os gregos Stefanos Tsitsipas e Michail Pervolarakis por 2 sets a 1 (6-3, 4-6 e 10-5). 


Relembre a primeira rodada da ATP Cup


Já pelo Grupo A, a Alemanha bateu o Canadá por 2 a 1. O resultado eliminou os canadenses e deixou a disputa pela vaga na semifinal entre sérvios e alemães. 


No primeiro jogo, Jan-Lennard Struff (GER) venceu Milos Raonic (CAN) em dois sets com tiebreak. Placar de 7-6 (4) e 7-6 (2). Na segunda partida, Alexander Zverev fez o grande jogo do dia contra Denis Shapovalov. Melhor para o alemão, que bateu o adversário canadense de virada, por 6-7 (5), 6-3 e 7-6 (4), em 2h55. 


Mesmo com a eliminação, a dupla canadense Steven Diez e Peter Polansky ganhou da dupla alemã formada por Kevin Krawietz e Jan-Lennard Struff por 7-6 (4), 6-7 (6) e 10-3. 


Confira como ficou o placar dos confrontos no geral


Grupo A 

Alemanha 2x1 Canadá

Grupo B

Austrália 2x1 Grécia

Grupo C

Itália 2x1 França

Grupo D

Rússia 2x1 Japão


Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário