Sesc Flamengo vence Pinheiros e chega a décima vitória na Superliga Feminina - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Sesc Flamengo vence Pinheiros e chega a décima vitória na Superliga Feminina

Compartilhe

A equipe do Sesc Flamengo venceu mais uma partida válida pela Superliga feminina 2020/21. Nesta sexta-feira (15) a vítima foi a equipe do Pinheiros, que perdeu por 3 sets a 0 (26/24, 25/18 e 26/24) em jogo realizado no ginásio Hélio Maurício, na Gávea (RJ). A oposta Lorenne, da equipe da casa, foi a maior pontuadora com 19 acertos e saiu com o troféu de melhor jogadora da partida.

A vitória do rubro-negro deixa a equipe com 30 pontos e dez vitórias em 13 partidas disputadas. Por outro lado, o Pinheiros tem 10 pontos e apenas três vitórias em 14 partidas. A equipe paulista ocupa a 8ª posição e pode ser ultrapassado pelo Brasília nessa rodada. A equipe de Bernardinho também pode perder a 4ª posição para o Sesi Bauru, que joga neste sábado (16) contra o Fluminense.

Surte +  Semifinais e final da Copa Brasil de Vôlei masculino serão em Saquarema

O jogo

Bons saques de Yael colocaram o time visitante com vantagem de três pontos no início da partida, mas uma boa passagem de rede do time carioca equilibrou a partida. Apagada na parcial, Ana Cristina cresceu em boa passagem pelo saque, marcando aces, e abrindo quadra para contra ataques de sua equipe. 

A mesma Ana passou por irregularidade no passe e permitiu uma ‘chegada’ no placar pelo Pinheiros. No final, valeu os bons ataques de Lorenne, que ajudou o Sesc Flamengo a fechar a primeira parcial em 26 a 24.

Lorenne tem recuperado boa forma no rubro-negro - Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

A segunda parcial também foi de oscilações das equipes. Tanto Pinheiros quanto Sesc Flamengo marcavam quatro ou cinco pontos em sequência. No entanto, o Pinheiros apresentou mais dificuldade nos ataques em decorrência de boas passagens no saque das jogadoras do Sesc Flamengo. Bacilieri tentou ainda uma substituição de opostas, saindo Edinara e entrando Kimberly, o que não deu certo. Bloqueio de Valquíria fechou em 25/18 o segundo set, deixando Flamengo em vantagem de 2 sets a 0.


O Pinheiros iniciou a terceira parcial com o modo rolo compressor ligado, abrindo 5 a 0. A equipe paulista precisava vencer o set pra continuar vivo na partida e, pra isso, teve Nandyala entrando bem no lugar de Gabi Martins e Edinara comandando no ataque. O Sesc Flamengo tentava, o técnico Bernardinho aplicou mudanças, sacando a inversão de 5-1 para jogo, mas nada adiantava. 

Quando o Pinheiros tinha 23 a 19 e estava prestes a levar a partida para o quarto set, Bernardo Rezende chamou Gabiru, que entrou no saque. A ponteira fez boas passagens e com contra-ataques bem executados, o rubro-negro virou a parcial, fechando em 26 a 24 e vencendo a partida em 3 a 0.

Foto em destaque: Marcelo Cortes/Flamengo

Nenhum comentário:

Postar um comentário