Felipe Borges testa positivo para covid-19 e é o terceiro desfalque do Brasil no Mundial de Handebol - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Felipe Borges testa positivo para covid-19 e é o terceiro desfalque do Brasil no Mundial de Handebol

Compartilhe



Mais um desfalque do Brasil para o Mundial de Handebol masculino. Nesta quinta-feira, a Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) anunciou que o ponta esquerdo Felipe Borges testou positivo para covid-19 ao desembarcar no Egito, na quarta-feira. O Brasil estreia nesta sexta, às 14h, contra a Espanha e só terá Cléber Andrade na posição.

Ele é o terceiro desfalque da seleção na competição. Antes, o goleiro Ferrugem, que foi substituído pelo goleiro Cesar Bombom, e Thiagus Petrus - que não teve substituto pois a CBHb aguarda um exame negativo do jogador para ir ao torneio - foram outros jogadores com covid-19, além do técnico Marcus Tatá. Os auxiliares Giancarlos Ramirez e Leonardo Bortolini assumirão o comando do time. Para o caso de Felipe Borges, Guilherme Torriani, do Taubaté, será o seu substituto.

Este é mais um dos muitos casos de covid-19 que aconteceram no Mundial de Handebol, que fez as seleções da República Tcheca e dos Estados Unidos desistirem da competição por terem quase todos os seus jogadores contaminados, sendo substituídos por Macedônia do Norte e Suíça.  Seleções de Cabo Verde e Suécia também contam com casos de covid em seus elencos.

O Mundial começou na última quarta-feira e vai até o dia 31 de janeiro.

Surte +: França derrota Noruega no segundo dia do Mundial de Handebol

Foto: Pedro Ramos/ Rededoesporte.gov.br


Nenhum comentário:

Postar um comentário