Tsuboi cai para 9º do mundo e é eliminado do WTT de Macau; Calderano perde mais uma, mas segue vivo


O início da quinta-feira (26) não foi agradável para o tênis de mesa brasileiro. Disputando o WTT de Macau, última competição do circuito mundial da temporada, Gustavo Tsuboi e Hugo Calderano perderam seus duelos do dia para o sueco Mattias Falck e o chinês Lin Gaoyuan, respectivamente. Apesar das derrotas, apenas Tsuboi foi eliminado, com Hugo vivo nas quartas de final do torneio.


Tsuboi foi o primeiro a jogar, ainda na madrugada brasileira. Número 44 do mundo, ele foi derrotado pelo nono colocado do ranking mundial por 3 sets a 0 (11-5, 11-10 e 11-10). Depois de começar o duelo cometendo alguns erros, ele conseguiu encaixar seu jogo na segunda parcial e tornou-se uma pedra no sapato do adversário. O brasileiro chegou a ter set point nas duas parciais seguintes, mas em ambas foi derrotado por 11-10 e parou na segunda fase do WTT de Macau.


Mais tarde, foi a vez de Calderano ir à mesa, no mini-torneio dos cabeças de chave. Com a derrota para o chinês Xu Xin (2º) no dia anterior, o brasileiro, sexto do mundo, foi para a disputa de uma espécie de terceiro lugar, para definir a ordem de escolha dos adversários das quartas de final. Ele encarou outro chinês, Lin Gaoyuan (5º), e sofreu nova derrota, mais uma vez por 3 a 2, de virada após vencer os dois primeiros sets (5-2, 5-2, 3-5, 1-5, 2-5).



Com dois tropeços, Calderano adentra na competição mata-mata principal do WTT de Macau como o quarto mais bem ranqueado dentre os cabeças de chave e, assim, não terá a oportunidade de escolher seu adversário de quartas de final. 


Um jogo restante do "mini-torneio", envolvendo os compatriotas Ma Long e Xu Xin, acontece ainda na manhã desta quinta e, após este, os chineses escolherão seus adversários entre Fang Bo (CHN), Wang Chuqin (CHN), Jeoung Youngsik (KOR) e Mattias Falck (SWE), vencedores da segunda fase. Aquele que não for escolhido,  será o rival de Hugo.


Entenda o formato

O WTT de Macau é um torneio que possui um formato diferenciado, que será aplicado aos eventos da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF) para as próximas temporadas, a partir de 2021. Dentre os 16 atletas, os quatro primeiros cabeças de chave, incluindo Calderano, adentram nas quartas de final. Antes, disputam jogos entre si para definir a ordem de escolha dos adversários no mata-mata.


Os cabeças de chave de 5 ao 8 iniciam sua participação na segunda fase (ou oitavas de final), enquanto os outros oito participantes competem no mata-mata a partir da primeira fase. A competição ainda tem pontuações diferenciadas em cada uma das fases. Clique aqui para conhecer todos os detalhes do regulamento do torneio.


Foto de capa: Divulgação/ITTF

Comente

Postagem Anterior Próxima Postagem