Guia da Superliga Masculina de Vôlei 2020/21 - Vôlei Renata/Campinas - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Guia da Superliga Masculina de Vôlei 2020/21 - Vôlei Renata/Campinas

Compartilhe

Duradouro é um bom adjetivo para o projeto esportivo de Campinas no voleibol brasileiro. Desde 2010 atuando, a equipe campineira tem no seu marketing o principal ponto positivo, tendo uma empresa gigante do ramo oriunda de bons trabalhos no futebol. Não à toa, o projeto paulista teve organizações importantes como apoiadoras, como Medley, Brasil Kirin e, agora, a gigante alimentícia Selmi, que expõe sua marca Renata.

Por outro lado, quando abordamos os títulos - que movem o esporte de alto nível - a situação do time do interior de São Paulo não é das melhores, apesar do grande projeto. A equipe tem o vice-campeonato na temporada 2015/16 como melhor campanha na Superliga. Além disso, até 2019, o Vôlei Renata/Campinas não tinha qualquer troféu em sua galeria. Isso só mudou em outubro deste ano, com a conquista inédita do Campeonato Paulista, derrotando o superfavorito Taubaté na decisão.

Antes da temporada 2019/20 ser encerrada sem campeão, o Vôlei Renata era o quinto colocado da Superliga 2019/20 e estava se encaminhando para os playoffs. Buscando chegar mais perto do topo da tabela em 2020/21, o time campineiro manteve oito atletas importantes. Nomes como o central Michel, o líbero Bruno Bello, o levantador Demián González e o ponta Vaccari seguirão no elenco.

Se o projeto perdeu o oposto Renan Buiatti, transferido para Itapetininga, se reforçou com o retorno de Leandro Vissotto, que já brilhou na conquista inédita do título paulista há algumas semanas. No meio, Luizinho também embarcou para solo francês, e o Vôlei Renata correu para contratar o jovem Barreto, ex-Sesi-SP. O ponteiro Bruno Temponi, ex-Anápolis, também é um reforço importante.

Embalado por sua primeira taça, o Campinas chega à Superliga como terceira força, mas já provou no Paulista que é capaz de bater os gigantes nos momentos decisivos.

Elenco



Técnico: Horácio Dileo


O argentino Horácio Dileo vem para sua quinta temporada consecutiva no projeto e já pode dizer que está em casa em Campinas. “El Comandante” não é conhecido como “chato” sem razão. Ele busca a excelência o tempo inteiro e com muita humildade, sempre afirmando que os adversários precisam fazer mais do que o básico para vencê-lo. Desta maneira, ele levou o Campinas ao inédito título paulista nesta temporada e não duvidem de o clube beliscar, também, o título da Superliga.

(Foto: Pedro Teixeira/Vôlei Renata)

Surte + Volte para a página central do Guia

Foto de capa: Pedro Teixeira/Vôlei Renata

Nenhum comentário:

Postar um comentário