Guia da final do Brasileirão Feminino 2020: Corinthians x Avaí Kindermann - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Guia da final do Brasileirão Feminino 2020: Corinthians x Avaí Kindermann

Compartilhe

Corinthians e Avaí Kindermann fazem a oitava decisão da história do Brasileirão Feminino. O jogo de ida será disputado neste domingo (22) às 20h no Estádio da Ressacada, em Florianópolis. Já o jogo de volta se realizará no dia 6 de dezembro, no mesmo horário, na Neo Química Arena, em São Paulo.


Esta será a quarta final seguida do Corinthians, se tornando o clube que mais chegou a decisões de Campeonato Brasileiro. A única vez em que o alvinegro não esteve no jogo decisivo foi em 2016, quando fez sua estreia na competição. Em 2017, foi vice-campeão ao perder a final para o rival Santos. Conquistou o seu primeiro título em 2018, derrotando o Rio Preto na decisão. E no ano passado, o clube foi novamente vice-campeão, perdendo a final para a Ferroviária.


Já o Kindermann disputará pela segunda vez uma decisão de Brasileirão Feminino. Sua primeira final foi em 2014, quando foi vice-campeão para a Ferroviária. O clube só ficou de fora de uma edição do Brasileiro, que foi em 2016. Desde o ano passado, o Avai tem uma parceria com o Kindermann.


No histórico do confronto em Campeonatos Brasileiros, o Corinthians tem uma ampla vantagem. Em seis partidas disputadas, o alvinegro venceu cinco e houve um empate, com as paulistas marcando nove gols e as catarinenses apenas três. No confronto disputado na primeira fase desta edição, o Corinthians venceu por 2 a 1, em jogo válido pela segunda rodada e disputado no Estádio Parque São Jorge, na capital paulista. 




Campanha do Corinthians:

Jogos: 19 

Vitórias: 17

Empates: 1

Derrotas: 1

Gols marcados: 53

Gols sofridos: 8

Artilheira: Crivelari (7 gols)


O Corinthians chega a decisão do Brasileirão com uma campanha irrepreensível, vencendo 17 das 19 partidas disputadas. A única derrota foi no clássico contra o São Paulo, na quarta rodada da primeira fase. O time tem o melhor ataque e a melhor defesa. 


A grande virtude da equipe é a força do seu conjunto, que conta com a experiência das jogadoras Érika e Tamires, a criatividade de Andressinha e Gabi Zanotti e o poder de fogo da dupla Crivelari e Adriana, que juntas contribuíram com 13 gols para a equipe.


No banco de reservas, o time conta com a competência de Arthur Elias, um dos técnicos mais vencedores da história do futebol feminino nacional. Ele vai em busca do seu terceiro título brasileiro. Além de ter sido campeão com o Corinthians em 2018, ele também levantou a taça com o Centro Olímpico em 2013, primeira edição do Brasileiro.




Campanha do Avaí Kindermann:

Jogos: 19

Vitórias: 10

Empates: 4

Derrotas: 5

Gols marcados: 46

Gols sofridos: 17

Artilheira: Lelê (10 gols)


Assim como o seu adversário, o Avaí Kindermann também tem um ataque muito forte, tanto que é dono de uma das maiores goleadas do campeonato, quando o time enfiou 9 a 0 no Audax durante a primeira fase. Dos 46 gols da equipe catarinense no certame, 19 deles foram marcados pela dupla Lelê (vice-artilheira do campeonato) e Catyellen. 


O time também conta com a experiência da goleira Bárbara, que defendeu a Seleção Brasileira nos Jogos Olímpicos do Rio, e das zagueiras Tuani e Simeia. Outro destaque do Kindermann é a meio-campo Julia Bianchi, grande nome da semifinal contra o São Paulo.


No comando da equipe está Jorge Barcellos, que está no clube desde 2017. Ele treinou a Seleção Brasileira Feminina entre 2006 e 2008, conquistando o ouro no Pan do Rio em 2007, o vice-campeonato mundial na Copa do Mundo no mesmo ano e a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008.


Fotos: Divulgação dos sites CBF, Avaí FC e Rodrigo Coca/Agência Corinthians


Um comentário:

  1. Vai Corinthians tamos juntos nessa vamos para sima delas meninas William bjs e um forte abraco p todos

    ResponderExcluir