Alemã Han Ying se junta a chinesas e japonesa nas semifinais da Copa do Mundo Feminina de tênis de mesa - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Alemã Han Ying se junta a chinesas e japonesa nas semifinais da Copa do Mundo Feminina de tênis de mesa

Compartilhe


Foram conhecidas nesta segunda-feira as semifinalistas da Copa do Mundo Feminina de tênis de mesa, a primeira competição internacional da modalidade depois da paralisação por conta da pandemia do coronavírus, disputado em Weihai, na China. A surpresa ficou por conta da veterana Han Ying, da Alemanha, que avançou e impediu um domínio ainda maior das asiáticas, que têm as chinesas Chen Meng e Sun Yingsha e a japonesa Mima Ito ainda vivas na competição.


Vinda da fase de grupos realizada no dia anterior, Han Ying precisou vencer dois jogos de mata-mata para chegar às semifinais. Primeiro, passou pela austríaca Sofia Polcanova (14ª) por 4 a 3 (11-7, 9-11, 5-11, 11-9, 8-11, 11-5, 11-6). Mais tarde, derrotou a taiwanesa Cheng I-Ching (8ª) em 4 a 2 (12-10, 3-11, 7-11, 11-9, 12-10, 11-6).


Han Ying bateu a taiwanesa Cheng I-Ching nas quartas de final da Copa do Mundo (Rémy Gros/ITTF)


Fazendo uma das semifinais, a chinesa naturalizada alemã, que é a 25ª atleta mais bem ranqueada pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF), enfrentará a chinesa Chen Meng, número 1 do mundo, já nesta terça-feira (manhã/tarde na China e madrugada no Brasil). Caso chegue na final ou vá para a disputa de terceiro lugar, também jogará na terça-feira (noite na China e manhã no Brasil).


Assim como Ying, Meng ganhou dois jogos para ficar entre as quatro melhores do torneio. Ela, porém, teve maior tranquilidade que a adversária e venceu seus confrontos por 4 a 0. Ainda pela manhã chinesa, a anfitriã despachou a romena Bernadette Szocs (24ª) em parciais de 11-6, 11-1, 11-3 e 11-7. Já pela noite, nas quartas de final, venceu a americana Lily Zhang (27ª) em 11-8, 11-6, 11-3 e 11-9.


A outra semifinal será um embate entre a japonesa Mima Ito, segunda colocada do ranking mundial, e a chinesa Sun Yingsha, número três do mundo. 


Mima venceu seus dois jogos de mata-mata por 4 a 1. Nas oitavas, passou pela sul-coreana Jihee Jeon (16ª), com parciais de 6-11, 11-7, 11-7, 13-11 e 11-7. Na fase seguinte, bateu a taiwanesa Chen Szu-Yu (26ª), em 11-6, 11-6, 11-7, 6-11 e 11-5.


Sun Yingsha, por sua vez, passou pela porto-riquenha Adriana Diaz (19ª), por 4 a 1 (11-5, 11-5, 11-8, 8-11, 11-7), e na sequência, bateu a japonesa Kasumi Ishikawa (9ª), em tranquilas parciais de 11-6, 11-4, 11-4 e 11-7.



Vale lembrar que esta é a primeira competição de alto nível do tênis de mesa internacional após quase oito meses de paralisação por conta da Covid-19. Os jogos estão acontecendo em uma bolha criada na província chinesa de Shandong, seguindo todos os protocolos sanitários contra o coronavírus. Além da Feminina, haverá ainda a realização da Copa do Mundo Masculina e o ITTF Finals até o final do mês.


Não há brasileiras nesta competição inicial, mas quatro atletas representaram as Américas. Uma delas, a canadense Mo Zhang, foi eliminada ainda na fase de grupos. Já as americanas Lily Zhang e Wu Yue e a porto-riquenha Adriana Diaz avançaram ao mata-mata. Destas, a de melhor desempenho foi Lily, que chegou a vencer Feng Tianwei, de Singapura, nona colocada do ranking mundial, e parou nas quartas, diante de Chen Meng. 


Foto de capa: Rémy Gros/ITTF




Nenhum comentário:

Postar um comentário