Em final brasileira, Bia Haddad vence Ingrid Martins e é campeã do ITF W15 do Porto - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Em final brasileira, Bia Haddad vence Ingrid Martins e é campeã do ITF W15 do Porto

Compartilhe

Beatriz Haddad Maia campeã tênis Ingrid Gamarra Martins


Beatriz Haddad Maia
conquistou seu terceiro título de simples em quatro finais disputadas nas últimas quatro semanas em Portugal. Depois de uma dura derrota em mais de quatro horas em Figueira da Foz e uma bicicleta em Santarém, veio uma partida mais ’normal’, mas ainda assim sempre sob o controle da ex-58ª melhor do mundo, que não deu chances para a melhor amiga e compatriota Ingrid Gamarra Martins, em vitória por 2 a 0. As parciais de 6-3 e 6-2 em 1h20 de jogo. 


Surte+ Confira o vídeo na íntegra da final do ITF W15 de Porto entre Beatriz Haddad Maia e Ingrid Martins (vídeo)


Juntas elas haviam levado o título de duplas em Figueira da Foz, onde Bia conheceu sua única derrota em 20 partidas na gira portuguesa. Bia Haddad, 468ª melhor do mundo e garantida em 439ª na lista a ser divulgada amahã, deverá subir para o 416º com o título. Ingrid Martins, atual 524ª e que alcançará o melhor ranking da carreira amanhã (518ª) deverá subir mais ainda, provisoriamente para a 504ª colocação.


O jogo foi tranquilo para Beatriz Haddad Maia, que nunca esteve atrás do placar. Ela quebrou a adversária no terceiro game, mas foi logo quebrada em sequência, no que seria o único break point oferecido por Bia. Após uma série de manutenções de serviço, Bia venceu o sétimo game no saque da amiga, saindo em sequência de 15-30 para confirmar a quebra. Uma terceira quebra lhe garantiu o primeiro set por 6-3 em 41 minutos.


O segundo set começou como o primeiro, com três games sem qualquer chance de quebra. Bia aproveitou o segundo break point e quebrou Ingrid para liderar por 3 a 1 no segundo set. Ao sacar com 5-2 abaixo, Ingrid pareceu ter sentido a pressão e permitiu 30-40. Experiente e já de olho na próxima semana, Bia Haddad economizou energias e fechou a segunda parcial em 6-2 após 39 minutos.


Brasileiras seguem em Porto em busca de 50 pontos

Bia e Ingrid seguem em Porto para a disputa do fortíssimo W25 também no Complexo Desportivo Monte Aventino. Ao lado de Gabriela Cé são as únicas brasileiras garantidas na chave principal. Bia entrou por convite e Ingrid garantiu-se pela vaga destinada a jogadoras que chegaram a fase final de um torneio no fim de semana anterior e por isso não podem jogar o quali. 


A principal favorita será a suíça Leonie Kung, 148ª do mundo, e lidera a lista que conta com seis top200. A campeã ganha 50 pontos e o título levará Bia ao grupo das 350 melhores. O torneio é o último W25 programado para este ano em Portugal. Depois só o W15 de Funchal, que dá 10 pontos à campeã.


As duas principais cabeças de chave do W15 não conseguiram entrar na chave principal do W25 para ter-se uma ideia da forte seleção. A britânica Katy Dunne, principal favorita esta semana e derrotada por Bia nas quartas, é apenas a cabeça 5 do quali enquanto a indiana Riya Bhatia, cabeça 2 esta semana e vítima de Ingrid, será a cabeça 9 do quali. 


Rebeca Pereira (1036ª) estreia contra a britânica Amanda Carreras (336ª), cabeça 6, Carol Meligeni Rodrigues Alves (398ª) desafia a britânica Emily Arbuthnott (958ª) enquanto Laura Pigossi (407ª) pega a cabeça 4, a italiana Bianca Turati (321ª). Cada jogadora deverá vencer três partidas para entrar na chave principal.


Surte+ Carol Meligeni conquista torneio de duplas do W15 de Porto


Foto: Porto Open / Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário