Brasil terá cinco representantes em torneio mundial de tiro a laser do Pentatlo Moderno - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Brasil terá cinco representantes em torneio mundial de tiro a laser do Pentatlo Moderno

Compartilhe

A União Internacional de Pentatlo Moderno (UIPM) vai realizar mais um torneio de tiro a laser para os pentatletas competirem de casa durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19). Será o Laser All Stars, que vai reunir cerca de 250 pentatletas de mais de 30 países. 

As eliminatórias da competição vão ser realizadas nos dias 7 e 8 de agosto, exatamente um ano antes das provas da modalidade nos Jogos Olímpicos de Tóquio, e as finais em 9 de setembro, Dia do Pentatlo Moderno Pierre de Coubertin, criado há três anos em homenagem ao fundador dos Jogos Olímpicos da Era Moderna e do esporte que une natação, esgrima, hipismo e laser-run (tiro a laser e corrida).

O Brasil terá cinco representantes no torneio virtual: 
. Marcela Mello, de 16 anos, que vai participar da categoria Júnior (para pentatletas com até 22 anos)
. Ana Clara Bezerra, 14
. Maria Eduarda Costa, 14
. Ana Luiza Teixeira, 13
. João Marcos Santos, 12

Os quatro últimos vão competir na categoria Jovem (sub-15).

A ideia do #LaserAllStars veio após o sucesso do #LaserHomeRun, que a UIPM realizou no início de maio, com incríveis 801 inscritos de 52 países. O Brasil teve 12 representantes no torneio virtual, dentre eles a pernambucana Ana Clara Bezerra e a paulista Maria Eduarda Costa, que vão participar da nova disputa virtual.

Desde então, os brasileiros estiveram em outras duas competições continentais virtuais: o Campeonato Pan-Americano de Tiro em Casa, quando a carioca Marcela Mello foi a vice-campeã; e o Sul-Americano de tiro e salto, quando o Brasil conquistou dois ouros (um deles da Maria Eduarda Costa e o outro do João Marcos), duas pratas um bronze (da Ana Clara Bezerra). Os dois torneios serviram de seletiva para o Laser All Stars.

“O #LaserAllStars permitirá que atletas de todos os países se reúnam em um dia muito especial para o nosso movimento esportivo. O tiro a laser e, especialmente o laser-run, deram ao nosso esporte uma nova dimensão urbana e a tecnologia oferece a todos os participantes a flexibilidade de poder fotografar em suas próprias casas”, destacou o presidente da UIPM, o alemão Klaus Schormann.

DISPUTA

As disputas do Laser All Stars vão acontecer por videoconferência. Cada pentatleta deverá ter pistola a laser, alvo, que tem que ficar a 140 cm do chão, câmera para filmar a prova e uma mesa de apoio de 70 ou 80 cm de altura. Os competidores vão ficar a cinco ou a 10 metros de distância do alvo, dependendo da categoria. 

Os pentatletas terão que acertar o alvo cinco vezes. Quem for o mais rápido em cada série marca um ponto. Vence quem chegar aos quatro pontos primeiro. 

“Após o sucesso do #LaserHomeRun, estamos empolgados em lançar o #LaserAllStars - um conceito incrível de tiro a laser que eu sei que será emocionante para concorrentes e público. Vemos a mídia social como um recurso vital para permitir que a nossa comunidade se encontre online, concorra entre si e se divirta”, comemora o lituano Andrejus Zadneprovskis, do Conselho Executivo de Mídia da UIPM.

GRANDES NOMES

Os pentatletas que vão participar do #LaserAllStars foram convidados pela UIPM depois de participarem de competições virtuais realizadas pelo mundo até então. Dentre os confirmados, estão:

. Anatoly Starostin, 60 (Rússia): campeã olímpica de Moscou 1980

. Joanna Muir, 25 (Inglaterra): atual número 1 do ranking mundial

. Valentin Prades, 27 (França): vice-campeão Mundial de 2018 e quarto em Rio 2016

. Tamara Alekszejev, 31 (Hungria): campeã da Final da Copa do Mundo de 2017

. Marie Oteiza, 26 (França): bronze no Mundial de 2018

. Jean-Baptiste Mourcia, 20 (França): atual campeão Mundial Júnior

. Ahmed Elgendy, 20 (Egito): ouro nos Jogos Olímpicos da Juventude Buenos Aires 2018, atual vice-campeão Júnior e campeão Mundial Júnior de 2018

. Charles Fernandez, 24 (Guatemala): bicampeão dos Jogos Pan-Americanos (Toronto 2015 e Lima 2019)

Dos mais de 30 países presentes, a Inglaterra é quem tem o maior número de participantes, 41, seguida da Hungria (27), Egito (22), Turquia (20), Rússia e França (16) e Equador (14).

BRASILEIROS
. Marcela Mello, 16 anos (RJ): Júnior (prata no Pan de tiro em casa)
. Ana Clara Bezerra, 14 anos (PE): Jovem (bronze no Sula de tiro e salto)
. Maria Eduarda Costa, 14 anos (SP): Jovem (ouro no Sula de tiro e salto)
. João Marcos Santos, 12 anos (PE): Jovem (ouro no Sula de tiro e saalto)
. Ana Luiza Teixeira, 13 anos (SP): Jovem

CALENDÁRIO
. 7 de agosto: eliminatórias Sênior e Master
. 8 de agosto: eliminatórias Jovem e Júnior
. 9 de setembro: semifinais e finais

CATEGORIAS
. Jovem (sub-15): 5 metros de distância do alvo
. Júnior (sub-22): 10 metros de distância do alvo
. Sênior (sub-40): 10 metros de distância do alvo
. Master (40+): 10 metros de distância do alvo

Foto: Divulgação/UIPM

Nenhum comentário:

Postar um comentário