Piscinas na Flórida são fechadas após caso de coronavírus e Bruno Fratus fica sem treinar - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Piscinas na Flórida são fechadas após caso de coronavírus e Bruno Fratus fica sem treinar

Compartilhe

Pouco tempo depois de serem reabertas, as piscinas públicas de Coral Springs, na Flórida, tiveram que ser novamente fechadas depois. Segundo o portal Local 10, um funcionário de um dos complexos aquáticos testou positivo para o coronavírus. O brasileiro Bruno Fratus mantinha seus treinos na cidade desde o final de maio e teve que interromper suas atividades por tempo indeterminado.

Nas redes sociais, Fratus lamentou o ocorrido e demonstrou indignação com a falta de respeito às medidas preventivas. "Por aqui tudo fechado de novo, uma pena! Se você não se importa se vai ficar doente, se vai morrer ou não, quer sair na rua e não usar mascara... Pelo menos tenha mínimo de decência e faça isso pelos outros, o mundo não gira em torno do seu umbiguinho mimado", escreveu.
A Flórida, assim como a maioria dos estados norte-americanos, relaxou a quarentena em meados de maio e alguns locais públicos, como as piscinas de Coral Springs, foram reabertas. Com a crescente do número de casos no final de junho e neste início de julho, os estados estão tendo que voltar atrás em suas reaberturas. 

Somente nas últimas 24 horas, foram registradas 6.336 infecções na Flórida, totalizando mais de 206 mil casos e 3.777 mortes. Os Estados Unidos bateram a triste marca de 3 milhões de infectados nesta segunda-feira, segundo o worldometers.

Surte +: Coach Alex Pussieldi inicia camping virtual da CPB para jovens atletas da natação

Foto: Reprodução/Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário