Guia dos Sistemas Qualificatórios Olímpicos Atualizados - Vôlei de Praia - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Guia dos Sistemas Qualificatórios Olímpicos Atualizados - Vôlei de Praia

Compartilhe

Status: Em andamento (a espera de torneio válidos para o ranking da FIVB);

Eventos/Vagas: 2 (masculino e feminino) com 96 atletas (24 duplas de cada naipe)

Sistema qualificatório

O Japão, por ser o país-sede, tem uma vaga assegurada nos dois eventos. O Mundial de 2019 garantiu as duplas campeãs de cada naipe nos Jogos, bem como o Torneio Pré-Olímpico, disputado na China em setembro, que atribuiu dois lugares para cada gênero. 

Na sequência, o ranking mundial classificará 15 duplas no masculino e 15 no feminino. Inicialmente, a data-limite do ranking era 14 de junho de 2020. Porém, com o adiamento dos Jogos Olímpicos, o novo prazo é o dia 13 de junho de 2021. 

As últimas dez duplas (cinco de cada naipe) conquistarão a vaga via Copas Continentais, que tiveram suas fases finais também adiadas para junho do ano que vem. As parcerias campeãs de cada continente (África; América do Norte e Central; América do Sul; Ásia/Oceania; e Europa) carimbarão seus passaportes para Tóquio.

Brasil


Antes da data-limite de classificação via ranking mundial ser adiada, o Brasil já havia definido quais duplas representariam o país em Tóquio: Evandro/Bruno Schmidt e Alison/Álvaro Filho no masculino; Ágatha/Duda e Ana Patrícia/Rebecca no feminino. Mesmo com as competições de 2020 e do início de 2021 agora valendo pontos para o ranking olímpico, o que, a princípio, daria chances a outras parcerias brasileiras, a tendência é que as quatro equipes classificadas se mantenham.

Campeões olímpicos em 2016, Alison e Bruno Schmidt estarão em lados opostos em Tóquio: Alison jogará com Álvaro Filho; Bruno, com Evandro (Foto: Marcelo Pereira/Exemplus/COB)

Países já classificados:
Masculino: Japão (país-sede); Rússia (Campeonato Mundial); Itália e Letônia (Pré-Olímpico Mundial); restam 20 vagas.

Feminino: Japão (país-sede); Canadá (Campeonato Mundial); Letônia e Espanha (Pré-Olímpico Mundial); restam 20 vagas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário