Presidente da NCAA se diz preocupado com a chance de os atletas contraírem COVID-19: “Quase inevitável” - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Presidente da NCAA se diz preocupado com a chance de os atletas contraírem COVID-19: “Quase inevitável”

Compartilhe

O presidente da Associação Atlética Universitária Nacional (NCAA), entidade que gerencia a maioria dos programas de esporte universitário nos Estados Unidos, Mark Emmert, afirmou ser “quase inevitável” que alguns atletas serão contaminados pelo novo coronavírus depois que as disputas voltarem a ocorrer.

“Temos literalmente meio milhão de atletas. São 1.100 universidades diferentes que participam dos esportes da NCAA - 19.000 equipes, e não 32, como na NFL. Então, para mim, não é ‘se’ um aluno sofrerá do vírus, é ‘quando’. Eu acho que é quase inevitável com esses tipos de números”, declarou Emmert em entrevista à CNN na última sexta-feira (15).

"Portanto, é necessário estabelecer os protocolos para testes, rastreamento de sintomas e a capacidade de colocar em quarentena os indivíduos e aqueles com quem eles entraram em contato quando isso ocorrer”, complementou.

Emmert se mostrou otimista em relação ao pedido da NCAA para conduzir testes em larga escala. Segundo ele, tal pedido “foi repassado a todos, do presidente Trump em diante".

O presidente também afirmou que não irá estipular uma data específica para as instituições retomarem suas atividades esportivas, permitindo que essa escolha será realizada livremente em cada localidade. "Não serei o juiz, será uma decisão que cada um dos campi terá que tomar por conta própria", anunciou Emmert.

Os Estados Unidos registraram, até o fechamento desta matéria, quase um milhão e meio de casos de COVID-19, com cerca de 90 mil mortes. Os dados são do Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças.

Foto: Robert Deutsch/USA Today Sports

Nenhum comentário:

Postar um comentário