Medalhista olímpico de patinação artística e treinador, Ronald Ludington morre aos 85 anos - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio

Medalhista olímpico de patinação artística e treinador, Ronald Ludington morre aos 85 anos

Compartilhe

O medalhista olímpico de patinação artística e proeminente treinador Ronald Ludington morreu aos 85 anos. Ludington ganhou o bronze com sua então esposa Nancy no evento de duplas nos Jogos Olímpicos de Inverno Squaw Valley 1960 e no Campeonato Mundial do ano anterior.

Depois do sucesso como atleta, ingressando no Hall da Fama da Patinação Artística Mundial como atleta, o estadunidense seguiu para uma bem-sucedida carreira como treinador, trabalhando com dezenas de atletas olímpicos, dentre eles Kitty e Peter Carruthers, pratas no evento de duplas em Sarajevo 1984.

Ludington começou seu papel como treinador logo após sua aposentadoria e deveria acompanhar seus alunos, patinadores Robert e Patricia Dineen, no Mundial de Patinação Artística de 1961, mas não pode embarcar no voo, quando todos os 18 membros da equipe estadunidense, incluindo atletas e treinadores, foram mortos em um acidente de avião na Bélgica, a caminho do torneio.

Mais tarde, Ludington trabalhou no Skating Club de Wilmington e na Universidade de Delaware, transformando ambos em locais de treinamento de renome nacional para patinadores de elite. Depois de se aposentar do cargo na universidade, após 23 anos, Ludington treinou patinadores em nove Jogos Olímpicos de Inverno consecutivos.

"Enquanto lamentamos a perda de um pai amoroso, avô, irmão e amigo, também reconhecemos sua distinta carreira na patinação estadunidense e queremos celebrar isso", disse sua filha Karen Ludington Gullotti.

Foto: USOPC

Nenhum comentário:

Postar um comentário