Mundial de Handebol Feminino - Último dia: Holanda conquista título inédito - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Mundial de Handebol Feminino - Último dia: Holanda conquista título inédito

Compartilhe

Depois de vice-campeonato em 2015 e do bronze em 2017, a Holanda finalmente conquistou o seu primeiro título mundial de Handebol Feminino. Em uma decisão emocionante e decidida no último segundo, as holandesas venceram a Espanha por 30 a 29.

A Holanda comandou o placar durante quase todo o jogo e vencia por dois gols de vantagem faltando 3 minutos para o fim da partida, quando a Espanha conseguiu empatar e teve a bola do campeonato no último minuto, mas o ataque desperdiçou a oportunidade. 

Quando a goleira holandesa Tess Wester foi iniciar o contra-ataque, a espanhola Ainhoa Hernández bloqueou a reposição da goleira, que, no entendimento da arbitragem, foi dentro da área, o que não é permitido. A espanhola levou cartão vermelho e a Holanda ganhou de presente um tiro de 7 metros, convertida por Lois Abbingh, autora de 7 gols na partida e artilheira do torneio com 71 gols, para sacramentar o título.


A conquista inédita garantiu à Holanda uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Já a Espanha disputará o Pré-Olímpico, que acontecerá entre os dias 20 e 22 de março do próximo ano. 

A medalha de bronze ficou com a Rússia, que na disputa do terceiro lugar derrotou a Noruega por 33 a 28. As duas seleções também disputarão o Pré-Olímpico.

A central holandesa Estevana Polman marcou 9 gols na final e foi eleita a MVP da competição. Além dela, integraram a seleção do campeonato a goleira holandesa Tess Wester, a pivô sueca Linn Blohm, as armadoras Anna Vyakhireva (RUS) e Alexandrina Cabral Barbosa (ESP) e as ponteiras Jovanka Radicevic (MNE) e Camilla Herrem (NOR).

A Espanha terá uma grande oportunidade de conquistar o seu primeiro título na próxima edição do Mundial, já que será a anfitriã do torneio em 2021.

Fotos: Divulgação/IHF

Nenhum comentário:

Postar um comentário